auravide auravide

Regressão e Psicanálise e Espiritualidade



A terapia de regressão parte da idéia e da crença na reencarnação, mas devemos alertar que nem todos os conflitos são espirituais. Sabemos que o ser humano é um ser "simbólico", que existe e reconhece o mundo a partir da linguagem, das imagens e todo fato, vivência é traduzido em imagens em sua mente profunda para ser entendido. É importante que o terapeuta e outros profissionais de saúde mental, estejam abertos ao paradigma do ser humano como entidade mental-emocional-espiritual e energética. A união de técnicas como a regressão que vai investigar a fundo as causas dos conflitos no passado, aliada à TVP que investiga as vidas passadas, e a psicanálise que através de seu método de faciltação da reelaboração simbólica destes conteúdos é um caminho para a cessãção do sofrimento.No início do tratamento procuramos na primeira sessão, focar o objetivo da investigação que irá ser feita no tratamento, o que chamamos de anamnese.

Nesta sessão conversamos e buscamos o máximo de informações sobre as queixas do paciente e escolhemos uma que seja mais importante e que vai nortear nossa próxima sessão, quando iniciamos a terapia propriamente dita. Em cada sessão, buscamos sempre 3 objetivos : dessensibilizar o paciente pela técnica de indução mental consciente, à lembrar-se de coisas corriqueiras e bem atuais como o que fez hoje, ontem na semana passada. Na segunda sessão, iniciamos a indução ainda de forma leve e tranquila, para sensibilizar o paciente que vai também acrescentando dados à anamese e vamos juntos planejando o caminho do tratamento. Muitas pessoas conseguem regredir já nessa segunda sessão, mas a maioria fica muito ansiosa o que acaba dificultando a regressão já nesta segunda sessão. Na terceira sessão, já iniciamos as lembranças mais significativas e vamos à infância do paciente, lembramos de coisas simples, detalhes como por exemplo como era a maçaneta da porta da casa em que vivemos nossas infância, animais de estimação, amiguinhos, etc.Na quarta sessão, dependendo do foco acertado na anamnese, já é possivel viver situações importantes e aqui sim podemos começar a viver as situações mais significativas e começar a sentir o resultado da terapia.

O tratamento em TVP ou regressão varia muito de pessoa para pessoa, mas acredito que devemos combinar um mínimo de 8 a 20 sessões. Esse prazo é necessário para que possamos mapear as vidas significativas da pessoa e fazer as conecções simbólicas vividas durante a regressão. A terapia se dá o tempo todo com o paciente consciente e acordado, de olhos fechados e em estado de indução mental somente.

Ele percebe que as imagens vêm aparecendo autonomamente em sua mente e as conecções vamos fazendo juntos durante a sessão. O objetivo da técnica de tvp ou regressão é garantir eficácia ao tratamento psicoterapêutico, por isso acredito que a regressão seja uma técnica ativa no trabalho psicanalítico de fundo. Acredito que todo conflito psíquico tenha um fundo sub e incosnciente e por isso, não devemos dispensar a psicanálise que ainda é a única técnica eficáz a trabalhar os conteúdos inconscientes. Os florais como as regressão são técnicas que acrescentam em muito pois aceleram uma análise psicoterapeutica psicanalítica e entre outras técnicas importantes que uso no meu trabalho, a regressão é uma das mais importantes, mas não é autosuficiente.No trabalho holístico buscamos sempre enxergar o indivíduo como um todo, ou seja, mente-corpo e espirito, portanto a aplicação da regressão nesta visão, traz a possibildade de se identificar além das causas psíquicas e simbólicas do conflito do paciente, também a energias intrusas e espirituais que estejam afetando a sua vida.

No processo psicoterapeutico buscamos as causas emocionais e mentais relacionadas ao sofrimento do paciente, mas com a proposta espiritualista e reencarnacionista da regressão e tvp, pode o terapeuta mudar seu olhar para o plano espiritual, e através de técnicas complementares ao trabalho terapeutico, purificar, equilibrar a aura do paciente e fazer a limpeza do campo energético-espiritual direcionando as energias intrusas.

Isso é feito sempre com ajuda espiritual.Muitas vezes, liberar as energias intrusas e emoções reprimidas não é suficiente para obter-se a cessação do sintoma, é preciso um trabalho de reelaboração psíquica ao nível inconsciente para que se obtenha os resultados consistentes e duradouros que o paciente busca e necessita neste momento. Desta forma, vamos suprimindo o conflito e restabelecendo o bem-estar ao paciente, através da técnica psicanalítica como tratamento de fundo do processo terapêutico Regressivo na Terapia de Vidas Passadas, sempre utilizando-se do apoio e da ajuda do plano espiritual em todo o processo

Roberto Gwydion é terapeuta e tarólogo tarologoweb

Publicado dia 13/2/2007
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 14



foto-autor
Autor: Paulo Zonta   
Terapeuta e Coaching
E-mail: paulozontaescritor@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa