auravide auravide

A mente - O Iceberg!



Sempre é interessante quando encontramos analogias, metáforas que traduzem semelhanças nas ocorrências. A mente, nosso software, nossas programações, nossos registros, tais quais os arquivos salvos em diretórios de nosso hardware, nosso cérebro.

Pronto, eis que então tal qual um computador, possuímos uma máquina e um sistema com os quais operamos em nosso dia a dia. Possuímos arquivos, diretórios e memórias. Memórias recentes e memórias mais antigas.
Nosso cérebro, tal qual o computador, necessita estar em uma temperatura fresca (inferior aos 36,5° C). Quando com febre, a pessoa chega ao delírio, perdeu a condição de raciocínio, não diz coisa com coisa. Um computador superaquecido trava, não consegue operar.
Mas qual a relação existente entre o cérebro e o iceberg? Não é o fato dele ser excessivamente frio.

O iceberg fica acima da superfície apenas dez por cento de seu tamanho. Noventa por cento fica submerso. A ciência nos mostra que apenas dez por cento do funcionamento de nosso cérebro é conhecido. Noventa por cento de seu funcionamento ainda é desconhecido. Significa que esses noventa por cento desconhecidos estão em atividade sem nenhum controle consciente nosso.
Quantas vezes nos perguntamos por que tomamos alguma atitude ou fizemos isso ou aquilo e não temos respostas, a não ser que fizemos. Eis o que em outros textos já chamei de forças inconscientes existentes em nós.

Então, fica clara a semelhança. O conhecimento do funcionamento do cérebro humano e o que fica à mostra no mar do iceberg possuem a mesma proporção. Quando se fala em buscar o autoconhecimento: “conheça-te a ti mesmo”, significa ir em busca do trazer à consciência essas forças que estão atuando, pois, reveladas, é possível então fazer algo para o aprimoramento do ser humano.
Conhecer nossas capacidades, nossas aptidões, possibilita o mais adequado aproveitamento das mesmas. Assim como nossos bloqueios, resistências, é como descobrir no veículo qual peça ou parte está com problemas. Algumas vezes é possível a solução total daquilo que nos aflige. Outras vezes, na impossibilidade de substituir as “partes danificadas”, aprendemos como conviver com elas, diminuindo imensamente os danos que causavam.

Assim como é possível fazermos upgrade nos computadores, aumentando suas capacidades e rapidez, também o é em nós mesmos, através do estudo e reflexão.
Assim como podemos conhecer os formatos das partes submersas de um iceberg, mergulhando e nadando ao seu redor, podemos nos aprofundar em nós mesmos, mergulhando em nosso interior.
Qual sua escolha?
Texto Revisado

Publicado dia 4/3/2018
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstar Avaliação: 3 | Votos: 235




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa