auravide auravide

Amadurecer ou rebelar-se!


Facebook   E-mail   Whatsapp

Uma das definições de amadurecer é "chegar ao completo desenvolvimento". "Atingir o ponto". Assim é quando nos referimos ao amadurecimento pessoal. E este é um processo constante, pois podemos estar prontos para algumas situações, porém, não ainda para outras. Portanto, o "completo" é relativo, condicionado a determinadas situações. Consideramos que amadurecer é crescer e crescemos sempre independente da idade.

O amadurecimento de uma pessoa ocorre à medida que, com suas experiências de vida, ela vai se sentindo preparada para enfrentar as situações que surgem, de forma positiva e equilibrada. Entende-se por forma positiva o desenrolar da ação de busca a solução. A superação de obstáculos é equilibrada pelas manifestações de emoções que acompanham as ações.

Por "rebelar-se" entende-se todo e qualquer comportamento de aversão ou de não enfrentamento das situações. Manifestações de revolta por deparar-se com situações que frustram suas expectativas. Opor-se às situações que possam incomodar.

Pessoas que, por algum motivo, não foram "preparadas" para enfrentar os problemas do dia-a-dia, optam por adotar determinada postura diante dos problemas. Tanto a manifestação do amadurecimento como da rebeldia não são comportamentos específicos de determinada idade cronológicas. Há casos em que jovens agem com presteza e adequação a situações nas quais pessoas já de idade mais avançada reagem com hostilidade e fuga a elas.

Quando falamos de frustrações, de não ter as expectativas atendidas, falamos da importância de saber lidar com elas. Já falamos também que alguém errou lá atrás, quando disse que viver e ser feliz é não ter problemas. Aqui faço um alerta aos pais: Cuidado quando tentam poupar os filhos das dificuldades. Observe se não estão "dando o peixe" ao invés de "ensinar a pescar". Viver é caminhar pela vida tal qual ela se nos apresenta, alterando o que é possível, mantendo o que se deve e seguindo em frente quando nada se pode fazer. Devemos estar cientes de que somos os principais responsáveis por tudo o que nos acontece durante esta caminhada.

Nos dias atuais, onde os valores estão muito desencontrados e pouco compartilhados, onde o individualismo predomina e a política do tirar proveito é uma constante, mais ainda se favorece o clima para o despreparo das pessoas quando se trata de conquistar um lugar ao sol.

Jovens que têm total liberdade para agir como adultos, tudo podendo, "espanam" frente à responsabilidade de seus atos quando se vêem diante de situações em que é preciso assumir as conseqüências dos seus feitos. Não estão "amadurecidos" para responder pelo que fizeram. Comum vermos jovens constituindo família, pensando estar assumindo cônjuge e filhos, mas que de verdade, ficam à mercê dos pais, pois não "conseguem" desenvolver uma atividade profissional que propicie seu sustento. Como nunca tiveram de fato que responder seriamente por algo, agora sentem a pressão insuportável da situação que eles próprios criaram, inconseqüentemente. A reação mais comum é a de rebeldia, que se manifesta das mais variadas formas, mas todas elas convergem para o não enfrentamento da situação. As desculpas e justificativas são inúmeras, mas não mudam os fatos: não estão correspondendo ao que desencadearam.

Muitos outros exemplos poderiam ser citados aqui. Quantos que se dizem adultos agem com rebeldia em todos os níveis e segmentos de suas vidas! E não precisamos ir longe. Basta nos olharmos frente a determinados problemas que veremos o quanto estamos protelando, vejam bem, empurrando e não esperando a hora certa de resolver nossos impasses, e "de forma camuflada" nos rebelando pelo fato de não querermos enfrentar nossos problemas, sejam eles quais forem. Até que um dia se tem um estalo, percebe-se que olhar as coisas através dos próprios olhos e não dos outros, identificar reais condições para buscar o que realmente falta para a solução dos problemas é extremamente enriquecedor. Arrisco dizer que atingiu o amadurecimento total e completo aquele que reconhece estar sempre aprendendo, sem necessidade de rebelar-se para não enfrentar, mas, muitas vezes, rebelando-se para enfrentar.       

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 4


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Paulo Salvio Antolini   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Psicologia clicando aqui.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa