Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

CONSTELAÇÃO FAMILIAR

por Margareth Maria Demarchi
CONSTELAÇÃO FAMILIAR

Publicado dia 10/6/2009 em Psicologia

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Bert Hellinger (alemão) trabalhou por 20 anos com famílias e descobriu que  existe uma ordem do amor que deve ser respeitada.

A ordem do amor que tem que ser respeitada começa com os pais, sendo que o homem serve ao feminino e a mulher segue o homem. Os filhos dependem dos pais e os pais não dependem dos filhos. Que todo o movimento harmonioso ocorre quando se possui o dar e receber em harmonia. Isso vale pensar que os pais cuidam dos filhos e mais tarde os filhos podem cuidar dos  seus pais e isso se faz de modo natural quando o movimento segue corretamente. Existe também a ordem de que todos devem ser incluídos, sendo que na familia onde alguém ficou excluído, por algum motivo, pode causar conflitos nesse sistema familiar.

Tudo começa com o amor de duas pessoas que no início, são jovens amantes despreocupados e felizes.  Quando os dois decidem ficar juntos começa a acontecer algo na relação que vai aos poucos deixando o amor para o estranho amor. Ela reclama agora que ele não lhe dá atenção e ele a considera muito sensível e reclamona. O relacionamento caminha em agressões silenciosas, onde um diz ao outro o quanto ela é... ou o quanto ele é... Cada qual passa a tratar o outro não mais pelo nome ou por gestos de amor, agora ele é o "Folgado" e ela a "Reclamona".  Nesse novo convívio, as duas pessoas passam a excluir a outra em algumas situações diárias, onde cada vez mais resolvem sozinhas situações em que deveria partilhar juntas. 

Chegam os filhos e participam dessa dicotomia, eles acabam vivendo essa forma de relacionamento e passam a se relacionar assim, onde eles se comportam de forma diferente para o pai e mãe, como se a família tivesse duas direções e cada filho cria a sua direção também. Deste modo, misturam-se os papéis e ninguém sabe muito bem a sua responsabilidade e compromisso nessa situação familiar.

Como podemos perceber, o exemplo acima mostra que o homem deixou de servir à mulher e a mulher deixou de segui-lo e a conseqüência disso e transferência desses valores  aos filhos que deixaram de ter experiências  no vínculo e no respeito para terem no poder  exclusivista.

Para sentir a força dessa ordem do amor, basta a gente presenciar o amor de outros casais o quanto nos incomoda e muitas vezes pensamos: isso é só fachada deles, porque está distante. em razão. às nossas experiências acreditar nesse amor.

As famílias necessitam conhecer as verdadeiras raízes de suas dificuldades, sendo que muitas vezes vêm se repetindo padrões e situações que fica fora do seu entendimento. 

Com a Constelação, percebemos o quanto dos nossos problemas de conflitos internos está contido na história de nossos antepassados que sem perceber reproduzimos através de gerações. 

O exemplo do casal acima, quantos não estão vivendo dessa forma... Quando casamos, juntamos nossos antepassados e isso já cria um movimento na família. Se o casal tiver dificuldades em incluir a família do outro ou até aquele que gosta mais da família do outro do que a sua própria, toda essa situação cria uma mal estar em ambas as famílias, porque uma está recebendo de mais e a outra de menos, levando ainda a um fator mais importante, que ele(a) está rejeitando a própria familia de origem.

Na correria da vida, criamos movimentos contrários àqueles que amamos e nem percebemos. A constelação vem nos dar consciência do que estamos excluindo em nossa vida e o que precisamos incluir para que o movimento da vida seja entendido e suas leis respeitadas.

Constelação familiar traz a compreensão clara da ordem do amor universal, onde não existem inocentes e todos estão recebendo situações e pessoas em suas vidas  para seu próprio desenvolvimento. Nessa dinâmica, conseguimos olhar para trás e perceber nitidamente os conflitos no hoje. 

Estou com o meu site sobre Constelação Familiar e gostaria de convidar a todos a participar e conhecer essa técnica que mostra o quanto de nossas ações  individuais tem a sua raiz no coletivo. 
 

Texto revisado por: Cris


Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 10

Autor: Margareth Maria Demarchi   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa