auravide auravide

O seu parceiro é um ogro


Facebook   E-mail   Whatsapp


Um homem não sabe expressar seus sentimentos. Em geral, só sente o corpo quando recebe um pontapé no futebol do final de semana. E revida. Sim, raiva, ele sente. E também medo. E amor. Mas não fala. Tem muita dificuldade. Principalmente se foi criado numa família onde nem pai nem mãe demonstraram muito carinho entre si. E ainda mais, é filho de um país onde macho que é macho, não chora.

Um homem não entende de mulher. Não percebe o quanto insegura ela se sente, mesmo quando se esforça em parecer o contrário. Não vê a solidão e a confusão mental que é gestar um filho. Nem mesmo entende o nó que é estar menstruada todo o mês, e enfrentar sintomas dos mais diversos, emoções descontroladas, humor que muitas vezes despenca tanto quanto o fluxo de sangue que desce… Interpreta aquele olhar amuado pedindo um abraço, como: vamos transar? E não vê quando a mulher vai ficando irritada com a vontade insaciável dele fazer sexo, enquanto ela está com a vontade insaciável de falar.

A mulher espera parceria. Presença. Mas o homem gosta de competir. E quando ele conquistou a donzela, ganhando a competição entre milhões de garanhões imaginários, não sabe depois o que fazer com ela. E assim, segue a cartilha da novela: prover materialmente, levar para jantar de vez em quando, cuidar dos filhos. E olhe lá! Pode ser que ele largue a conquista muito rápido e parta para outra… Este é o impulso masculino animalesco e desprovido de consciência, mas que muitas mulheres ainda procuram. Um homem que age assim, não cresceu. Assim como a mulher que permite ser somente objeto de conquista, também não.

Atrás deste ogro, existe um coração. E muita energia. A energia masculina da realização, do combate, da ação. Se esta energia toda não for suavemente abraçada pela energia feminina da espera, da paciência, da nutrição, do cuidado e da beleza, ele se desequilibra. Parte para a vida como um touro maluco. Trabalha, se perde em outras conquistas, não controla seus impulsos. Um homem quer olhar ao seu lado e encontrar paz, apoio, compreensão. Sim, ele é bobo. Quer aplausos pela suas conquistas! Afinal, ele é movido pela competição. Quer que suas feridas, após a batalha, sejam acariciadas. Quer um sorriso de compreensão pelas suas derrotas. Nem críticas, nem incentivo. Às vezes, o silêncio é importante. O homem não gosta muito de falar, porque ele não entende de sentimentos: só de futebol e mulher. E se ele está derrotado, não há o que falar. Ele nem sabe o que falar.

Eu sei, nem todos os homens são assim. Corri o risco de generalizar, porque acho importante passar este recado, já que vejo tanta gente (muita mesmo!), desiludida, se machucando profundamente, porque busca no outro algo que não existe. Tem homens com sentimentos muito distorcidos. Tem mulheres às avessas. Isso porque nossas famílias são um laboratório de experiências entre homens e mulheres, gerações e gerações de seres que tentam se amar e não sabem como. Mentem, se enganam, escondem, fingem, traem. E assim, todos se ferem intensamente. E nós somos filhos desta desarmonia entre homens e mulheres: aprendemos com papai, mamãe e todo o nosso sistema familiar. O que podemos fazer? Conhecer a nossa verdadeira energia masculina. E a nossa verdadeira energia feminina. Resgatar o pai e a mãe dentro de nós. Curarmos o relacionamento do próprio pai e mãe dentro do coração, para então, poder atrair uma relação melhor. Um homem terá que reaprender a ser homem. Uma mulher deverá reaprender a ser mulher. Ambos terão que, necessariamente, estar em paz com os pais, por pior que eles tenham sido. Esse é o preço que um relacionamento maduro exige. Fora isso, continuaremos a acreditar em novelas e filmes de Hollywood.
Texto revisado
Alex Possato - constelação familiar sistêmica - atendimento grupo e individual - curso de constelação sistêmica



 

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 35


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Alex Possato   
Terapeuta sistêmico e trainer de cursos de formação em constelação familiar sistêmica
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Psicologia clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa