auravide auravide

O valor do silêncio!



Silêncio: ausência de sons; de ruídos. Eis uma definição simples e objetiva da palavra. Mas quanto ao seu significado, aí vai muito além. Vocês já repararam como há pessoas que não suportam o silêncio? Necessitam ter barulho, qualquer um, mas tem que ter algum som.

A televisão ligada, rádio ou músicas, seja o que for, mesmo não estando a prestar atenção. Muito comum escutar: “estava com a TV ligada e nem sei o que estava passando”; “Entro em casa e já ligo o rádio, não suporto silêncio!”. Ainda outras falas no mesmo sentido: quebrar o silêncio. Rompê-lo.
Também há quem diga: “o silêncio é sagrado!”, e vai dentro desta afirmação uma grande verdade. O silêncio torna-se um veneno para pessoas ansiosas. Quem vive em estado de ansiedade sente-se muito mal “dentro” da quietude.

Ficar em silêncio quando se está só é permitir com que a voz interior se manifeste. Quando se consegue ficar em silêncio nossa mente se aquieta, condição básica para que surja ao plano de nossa consciência o que está em nós. É em estado de silêncio que nossos medos, temores, inseguranças surjam. Assim como também e, principalmente, nossas ideias mais iluminadas.
Muito se fala em fazer meditação, ioga e outras técnicas mais, todas elas propiciando o aquietamento mental, o silêncio interior e a partir daí escutar a voz interior de cada um.

Quem não consegue conviver com momentos de silêncio e quietude deve buscar dentro de si quais são seus temores, suas inseguranças. Não devem ter medo do que possa surgir, pois será algo que lhe pertence. Se for ruim ou desagradável, ao se tomar consciência, a pessoa terá condições de analisar qual o melhor caminho, qual a melhor saída. Se for bom, é ótimo, pois poderá partir para a realização.
Como tudo em nossas vidas é dual, tem os dois lados, o silêncio também. Pode ser desesperador: vocês sabiam que uma pessoa colocada em um recinto com silêncio absoluto enlouquece em pouquíssimo tempo? Mas ele também é sagrado, pois através dele se revelam as mensagens mais importantes e significativas de nossas vidas.

Quantas vezes já dissemos “preciso ir para um lugar onde eu possa escutar o silêncio!”. Eu pessoalmente me digo isso constantemente. Em estado de quietude eu me recomponho, “recarrego minhas baterias”. Quando nos aquietamos, podemos escutar o silêncio. Ele fala conosco. É isso mesmo: ele fala conosco! Ideias surgem, pensamentos fluem de uma maneira clara e transparente.

Muitos clientes me relatam que, ao conseguirem permanecer em silêncio, muitas vezes são tomadas por um choro convulsivo, de difícil controle e, então, revelações acontecem. Identificam o que as incomoda tanto, e, dizem, “por mais difícil que seja, acaba sendo bom, pois é como se tirássemos um grande peso de dentro de nós”.

Quem consegue desenvolver o hábito de ficar no silêncio por algum tempo de seu dia, descobre que tudo fica mais claro e menos incômodo, mesmo o que não é agradável.
Texto Revisado

Publicado dia 15/1/2018
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 2




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa