auravide auravide

Profissão: Artista!


Facebook   E-mail   Whatsapp

Ser escritor, músico, pintor ou ator hoje em dia, parece não ter o mesmo valor social do que ser advogado, médico ou engenheiro. Se você diz a alguém: “sou músico”, a pessoa logo virá com a seguinte resposta: - Ah, legal, mas o que você faz da vida?

A arte em sua totalidade não é vista como uma profissão, ela foi classificada injustamente como “hobby”. Outra coisa que se subentende quando você diz que é um artista é que não tem lá grandes somas em dinheiro, e que deve passar certa dificuldade na vida.

Mundo estranho esse, não é mesmo? Recursos não faltam para adquirir obras caríssimas que são expostas em galerias e a apreciação destas obras também parece não faltar, portanto, o artista ainda permanece desconectado dos mais altos degraus do sucesso e do reconhecimento.

A arte em suas diversas formas de manifestação, em outros séculos foi muito venerada, apreciada e valorizada, e hoje em dia ainda continuamos a falar, a ouvir e a expor as obras desses artistas em nossas salas e em nossas bibliotecas, mas o que aconteceu com os novos artistas? Porque é que eles não são mais vistos com a mesma admiração de outrora?

A sociedade nos obriga a adotar determinada forma de comportamento, logo, quando algo sai do padrão é naturalmente descartado, desclassificado e desconsiderado. Vivemos em uma era completamente diferente hoje, uma era de acesso fácil e rápido a informação, uma era de competitividade, variedade, e de extrema valorização do termo “bem sucedido”.

Obviamente que quando um artista consegue atingir um alto grau de destaque, ele será reconhecido pela massa como uma pessoa de sucesso. Neste ponto não importa mais se ele é um escritor, pintor, músico, advogado, dentista ou comerciante. Também não existe mais distinção nem preconceitos; não existe sequer um julgamento consciente e lógico por parte da multidão. Eles simplesmente aceitam que aquilo deve ser bom caso contrário não teria tido destaque, ou seja, se veio ao conhecimento público é porque tem valor.

Portanto, os grandes artistas que vivem no anonimato continuarão a ser tachados de “rebeldes”, “sonhadores”, “hippies”, “fracassados”, e suas oportunidades de destaque continuarão a ser tolhidas até que o destino resolva elevá-los ou forçá-los a trocarem de profissão.

Como então alguns artistas conseguem levar suas obras ao conhecimento público? Sorte? Contatos? Persistência?

Não existe uma fórmula que garanta o sucesso nem nessa e nem em nenhuma outra profissão porém, o que ajudaria particularmente no caso das artes seria uma mudança na forma de olhar e interpretar o papel do artista no mundo. Todas as profissões tem que ser valorizadas e reconhecidas, mas a mente do homem precisa expandir para que isso aconteça. É preciso que também sejam enaltecidas as outras faculdades humanas que não as que se encontram puramente no lado esquerdo do cérebro.

A arte na minha humilde opinião é aquilo que mantém a chama da humanidade acesa. Sem ela, baseado na nossa sociedade atual, não haveria a menor diferença entre nós (seres vivos) e os robôs (máquinas).

Sou adepta do equilíbrio e do florescimento pleno de nossas capacidades porém, para que isso aconteça o ser deve ser estimulado a desenvolver-se e sentir- se seguro e confiante em seu meio. Não adianta nada incluir artes na grade curricular das crianças e dizer a elas quando estiverem na idade de optar por um curso universitário que essa profissão não dá dinheiro e não é bem aceita socialmente. Os pais dizem aos filhos que tocar piano é bonito apenas para os familiares mas que composições inéditas não conduzem nenhuma pessoa ao sucesso.

O que Einstein diria sobre isso?

"A imaginação é mais importante que o conhecimento. O conhecimento é limitado. A imaginação envolve o mundo, estimulando o progresso e dando origem à evolução".

Vamos valorizar mais os artistas! Vamos dar asas à imaginação! Vamos fazer deste mundo um lugar mais humano, mais justo e muito mais alegre e artístico!

Rumo ao progresso e à evolução!
 
Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 21


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Fernanda Luongo   
Cantora, escritora, autora de três obras literárias já publicadas no país, terapeuta holística, registrada no Conselho Nacional de Terapia Holística CRT: 46.801 e originadora do Método Akhenaton®.
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Psicologia clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa