Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
Home > Psicologia
Reclamar!

Reclamar!

por Paulo Salvio Antolini
Facebook   E-mail   Whatsapp


A pessoa acabou de fazer uma explanação sobre gratidão, despediu-se e foi para seu carro. Ele estava entre dois outros veículos que a obrigou a fazer uma manobra de ir e vir várias vezes para poder sair. Enquanto o fazia, reclamava dos motoristas que estacionaram ali, sem levar em conta que vieram para ouvir sua palestra. Pensem: qual foi o conteúdo que ficou para os que presenciaram essa cena?

Vamos ao dicionário? O Michaelis diz sobre clamar: “Pedir com veemência; implorar; rogar, Suplicar”. Sobre reclamar: “Solicitar algo insistentemente; implorar”!

Não conhecer o significado do que se fala não exime aquele que diz do que está afirmando. Muitos não sabem que, quando reclamam estão pedindo veementemente para si aquilo que acreditam estar condenando.

“Re”clamar significa clamar novamente, clamar por algo várias vezes. Significa dar maior força ao expressado. Significa “Re” forçar; forçar seguidamente aquilo que achava estar querendo afastar.

Maria reclamava de sua filha que chegava e jogava suas coisas desde a sala até o quarto.

Marta dizia à sua filha: “Por favor, recolha seus pertences e ponha-os no lugar”. A menina fazia mesmo a contragosto e, ao final, Marta dizia: “Obrigado, minha filha, você ajudou a mamãe”.. A filha de Maria continua a deixar tudo esparramado; a filha de Marta já não espera ser mandada, ela simplesmente faz. Maria diz a Marta: “Sua filha é um anjo, a minha não tem jeito”. Será verdade?

Se lembrarmos que clamar significa pedir, solicitar, começaremos a entender melhor o que ocorre em nossas vidas. Perceberemos que muito do que não gostamos nada mais é do que nosso pedido ao Universo. Então, passaremos a clamar e várias vezes as coisas boas que tanto queremos.

Muito se fala da Lei da Atração, mas só vale para os outros. “Conosco é diferente”, deve ser o pensamento de uma maioria, pois é como se não fôssemos responsáveis pelo que atraímos.

Já escutaram falar de faixas vibracionais? A própria física explica isso. As faixas mais densas estão nos níveis mais baixos e as faixas mais sutis estão em plano mais elevado. Elas simplesmente estão aí. Nós é quem determinamos a quais delas nos uniremos, não pelo que achamos que seja, mas pelo nosso comportamento.

Quando vivemos queixas e reclamações, estamos fazendo nossas conexões com as faixas menos elevadas. Saibam com certeza: A escolha é de cada um.
Texto Revisado



Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo




Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

Avaliação: 5 | Votos: 24
Atualizado em 21/03/2020

Veja também
Quando nossa vida voltará ao normal?
Uma nova percepção
Quem são os pais omissos na trama das mães perversas
Alimentos antifisiológicos: anti-vida!

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.






Energia do Dia
Plenitude. Dia para concluir tudo que for possível e planejar metas futuras. Combata qualquer sensação de derrota e cultive o otimismo e a autoconfiança. Aja de boa vontade.
Faça sua numerologia


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa