auravide auravide

Impossível Reconciliar Espiritualidade com Materialismo



 

Durante séculos fala-se sobre espiritualidade e inúmeros são os escritos a respeito, no entanto observamos um crescente materialismo gerando pessoas intolerantes, violentas e vivendo sem paz interior. Podemos dizer que não possuem paz devido ao nível de agressividade que exteriorizam.

Conforme os séculos vão passando o natural seria os seres humanos se entenderem e iniciarem um processo de ampliação de consciência para outras dimensões, mas a realidade nos mostra um quadro totalmente oposto fazendo surgir revoluções, guerras e vários tipos de contendas em todos os níveis, inclusive entre pais e filhos, maridos e esposas, irmãos e irmãs. 

Pela simples observação podemos dizer que os seres humanos se perderam, estão desorientados sendo necessário fazer uma pausa para refletir sobre os seus objetivos de vida. Tudo indica que existem apenas dois objetivos: o viver no mundo para o mundo apegado as coisas do mundo e o viver desapegado do mundo, morrendo para o mundo. Não existe uma forma de reconciliar os dois objetivos, vivendo para o mundo e morrendo para o mundo. Provavelmente a paranóia atual da humanidade possui sua origem na tentativa do ser humano querer viver buscando os bens do mundo e ao mesmo tempo buscar Deus ou ampliar a consciência para níveis metafísicos.

Quando o ser humano vive para possuir e ter bens materiais está seguindo um caminho materialista partindo do pressuposto que sua felicidade, sua paz possui origem nas coisas que possui. Mesmo sem buscar os bens materiais, mas vivendo uma vida em que a verdade é captada somente pelos sentidos corporais vivencia a dimensão material. Podemos tentar simplificar a questão ao dizer: quando os desejos humanos estão centrados nas coisas do mundo, mesmo que possua um viés religioso ou social estamos presos a dimensão do espaço/tempo.

Talvez a palavra mais importante para explicar o caminho material seja apego e para indicar a senda espiritual seja o desapego. Desapego é morrer para o mundo, morrer antes de morrer e apego significa o querer as coisas do mundo, mesmo que seja um pedaço de pano velho ou manter as nossas próprias verdades ou nossas virtudes.

Tenho observado que quanto maior é o nosso apego pelo mundo maior é o materialismo e quanto maior for o desapego pelas coisas do mundo maior é a nossa espiritualidade. Devemos salientar também que as explicações que tentamos transmitir não nos levam a um bom nível de entendimento sendo necessária outra abordagem.

O mundo em si é onda e nada mais existe que onda e as consciências provocam colapsos nas ondas manifestando seus desejos. Entende-se por colapso na onda o transformar a onda em coisas e estas coisas são passageiras, ou seja, são temporárias ou virtuais. O apego por parte da consciência aos colapsos das ondas aprisiona a consciência ao mundo virtual. As ondas são reais, as consciências são reais e os colapsos são irreais porque duram apenas poucos momentos. Os colapsos das ondas podem ser comparados a fogos de artifícios que produzem imagens lindas por pouco tempo. Os colapsos das ondas são as estruturas materiais, inclusive a estrutura corporal que dizemos que é nossa.

A partir do momento em que a consciência vivencia a si mesma nulificando todos os colapsos das ondas ela se harmoniza com as ondas em si sentindo a paz. Neste momento o florescer acontece e a luz do incondicionado brilha nas trevas. É um momento mágico onde morre qualquer tipo de apego a qualquer coisa, os colapsos das ondas dissolvem e algo brilha, toda dimensão pessoal desaparece.

Agora podemos dizer que espiritualidade é a dissolução de todos os colapsos e a dissolução ocorre a partir do momento em que a consciência percebe que toda estrutura material é um colapso e por ser colapso é uma virtualidade. Na nulificação de todos os colapsos emerge o sagrado.
 

Publicado dia 3/2/2009

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 11




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa