auravide auravide

A Dor do Abandono


Facebook   E-mail   Whatsapp

A dor do abandono é uma das piores pelas quais um ser humano pode passar. O abandono, seja por morte ou rejeição, pode causar profundos traumas, principalmente, se houver dependência física ou emocional daquele que foi abandonado.

Um bebê abandonado ou rejeitado pela mãe pode ter problemas de auto-estima no futuro. Ocorre que uma experiência de abandono pode funcionar como um gatilho que evoca outras experiências traumáticas similares. Vou dar um exemplo fictício baseado em casos reais para elucidar o que quero dizer.

Lila (nome fictício) chega ao consultório aos prantos com diagnóstico de depressão e síndrome do pânico que teve início quando o então marido a abandonou para ficar com outra mulher.

Através de regressões de memória conscientes, os mentores espirituais de Lila mostraram a ela de onde estavam vindo tantos sentimentos de medo e tristeza, alternados com profunda sensação de vazio e solidão.

Na terapia de vidas passadas, descobrimos que, numa encarnação, Lila havia sido um bebê rejeitado e abandonado por sua mãe, que era uma prostituta. Em outra existência passada, havia sido abandonada pelo marido, que a rejeitou como mulher e fugiu com uma amante. Para sobreviver, teve que se submeter à prostituição, já que não encontrou outro meio de se sustentar numa época tão antiga. Nesta mesma encarnação, foi rejeitada pelo cliente e amante que havia prometido se casar com ela e lhe dar uma nova vida.

A mãe da vida atual também a havia rejeitado desde o nascimento porque esperava um menino e não se conformou por ter tido uma menina. Na adolescência, foi vítima de "buylling" na escola, ridicularizada por ser obesa.

Com tantas experiências de abandono e rejeição mal resolvidas, era quase previsível que surgisse uma dor muito profunda após uma experiência de abandono e rejeição pelo ex-marido da vida atual.

Durante as regressões de memória, os mentores de Lila fizeram as limpezas espirituais e energéticas necessárias para que o espírito de Lila fosse desligado das situações passadas traumáticas. Gradativamente, Lila foi recuperando sua auto-estima, seus medos foram passando e sua autoconfiança foi restaurada. O amor e a felicidade voltaram a fazer parte de seu cotidiano.

Valéria Centeville -Terapeuta de Vidas Passadas


www.terapiadevidaspassadas.com

www.facebook.com/valeria.centeville

Texto revisado


 


Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 32


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Valéria Centeville   
Terapia de vidas passadas. Captação mediúnica. Terapia Reencarnacionista. Terapia Regressiva. Hipnoterapia (hipnose). Terapia Espiritual. Terapia Floral. Canalizações de mensagens dos mentores espirituais. Orientação espiritual. Tarô cigano.
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Vidas Passadas clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa