auravide auravide

Dar certo no Amor sob a ótica masculina


Facebook   E-mail   Whatsapp

Quantas expectativas nós colocamos no lado afetivo. Meu Deus...
E todo mundo é assim. Queremos estar amando, queremos ser amados e, quando bate a carência, então, mesmo quando temos outras coisas que caminham bem, como um trabalho em equilíbrio, uma família presente, bons amigos, sentimo-nos vazios por que somos seres que precisam do amor e, por isso, focamos muito nos relacionamentos íntimos.

Se o sangue é o fluido vital do corpo, o amor é o fluido vital da alma, mas não é o amor que vem dos outros que nos nutre. O amor que alimenta a alma é o sentimento que brota dentro de nós, que não deve estar preso apenas a uma energia que dirigimos a um companheiro.

Mas este passo evolutivo em que conseguimos ver a vida por esse prisma, não é algo fácil. Às vezes, entendemos as questões racionalmente, mas não entendemos com o coração. E por isso continuamos sofrendo e buscando desesperadamente alguém.

Mário, um homem de quarenta anos, bem-sucedido na sua carreira pública, veio me procurar dizendo-se cansado de seus relacionamentos. Reclamou que as mulheres nem bem o conheciam e já queriam casar, e ele se sentia cansado da falta de intimidade. Claro que a intimidade que ele se referia era a conexão da amizade, da troca e não da sedução, nem do sexo. Aliás, ele se dizia cansado de mulheres fáceis.
Isso até me chocou, pois não é fácil, sendo mulher, ouvir um homem dizer que “somos fáceis”, mas pensando bem, acho que muitas mulheres acabam na carência e no desejo de encontrar alguém, queimando etapas de um relacionamento e se entregando aos namorados sem muito critério e depois se desiludem com a mesma rapidez do encontro...

Não sou puritana e acredito que não haja uma regra para todos os encontros; aliás, cada caso é único, mas as pessoas precisam se respeitar mais, dar um tempo antes de uma entrega, que não é só do corpo, mas uma entrega da alma, dos sonhos e das expectativas. Pois queimando as etapas, impedimos que aconteça um conhecimento mais profundo. E o sexo não se torna uma troca mais intensa e sim um momento de estresse, por que seja como for, não é assim tão fácil tirar a roupa para alguém.
Principalmente, as mulheres sentem que são observadas, julgadas e muitas são inseguras, embora tentem vencer esses limites naturais para se mostrar seguras com um “desconhecido”. Seguras e sedutoras...
Muito desgastante tudo isso, não acha?

Mario achava muito cansativo. O que ele queria era sair para tomar sorvete, ir ao cinema, ouvir a outra pessoa, e ir conhecendo. "Um namoro como no tempo antigo", foram as palavras dele. Chamando a minha atenção para observar um outro ponto importante que enfrentamos, por que de fato esse nosso mundo novo tem trazido sérios desafios, como um estresse constante, muita ambição e competição e falta de tempo para intimidade.

No caso do Mario, a solução apontada na sessão de terapia foi ele dar um tempo de mulheres, para poder limpar sua energia. Pois estava se tornando uma pessoa muito crítica com as possíveis companheiras, inclusive, meio que sem paciência para conversar e conhecer melhor suas pretendentes.

A Sessão de Vidas Passadas mostrou para ele uma existência em que foi traído por sua mulher, o que gerou um enorme sentimento de abandono e desejo de vingança. E ele estava totalmente nessa sintonia, pois apesar de todos os convites para encontrar alguém, continuava amargo, sofrido.
Quem é que disse que homem não sofre por amor, ou por se sentir solitário?
Mario não foi o único homem que conheci enfrentando esse tipo de desafio. Pois conhecer uma pessoa é fácil, mas encontrar alguém que realmente combine com a gente é mais difícil.

Percebo que as pessoas que têm mais chance de encontrar uma felicidade no amor são aquelas que já estão mais abertas a olhar os outros e não apenas um outro. Por isso, amigo leitor, minha sugestão é se abrir para variados interesses, permitindo-se cultivar amizades e cuidar para ter também uma boa convivência familiar e espiritual. Orações têm um enorme poder de harmonizar a vida.
Coragem e muito amor!

Confira outros segredos acessando meu Blog: link

Venha participar do Grupo de Meditação Dinâmica que acontece todas as quartas-feiras, no meu espaço em São Paulo. Venha ouvir pessoalmente as canalizações.

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 98


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Maria Silvia Orlovas   
Maria Silvia Orlovas é uma forte sensitiva que possui um dom muito especial de ver as vidas passadas das pessoas à sua volta e receber orientações dos seus mentores.
Me acompanhe no Twitter e Visite meu blog
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Vidas Passadas clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa