auravide auravide

É possível dar um tempo?

por Maria Silvia Orlovas

Publicado dia 24/7/2008 em Vidas Passadas

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Sempre achei um absurdo as pessoas darem um tempo no relacionamento como se depois que voltassem encontrariam as coisas diferentes... De fato, pode até ser que as coisas mudem, mas se de alguma forma interagirmos com elas; se não der um tempo, quer dizer que estou dando um basta e não tenho coragem de assumir prontamente essa minha decisão.
Dar um tempo nessas circunstâncias, então significa que não quero magoar ninguém e ficando parado imagino que o outro possa tomar uma atitude e facilitar uma decisão que já tomei dentro de mim. A decisão de terminar, de me afastar. Enfim, dar um tempo tinha para mim um ar de covardia...
Algo assim: Não posso assumir, tenho medo de me arrepender, então, dou um tempo para ver o que acontece.

Mas e quando a vida dá um tempo na gente?
E quando saímos da condição de quem domina a situação e passamos a ser dominados?
Pois bem, isso aconteceu comigo esta semana. Meu computador simplesmente deu um tempo. Pifou! Com tudo o que tinha nele ficou ali preso, parado no tempo e sujeito à boa vontade de alguém que viesse me salvar da pane. E-mails sem respostas, arquivos para revisão, textos... Tudo parado.

Junto a tudo isso, que já me chateou porque me tirou o domínio que gosto de ter em meus compromissos, no dia seguinte enfrentei a morte de um amigo querido. Uma morte não natural para muitos porque o rapaz era jovem, boa pessoa, honesto, casado, com uma filhinha da idade da minha, seis anos, e que morreu depois de muito lutar contra um câncer.
Olhando para o corpo inerte que um dia carregou a luz da alma do meu amigo, pensei na criança sem pai. Pensei na pessoa amorosa que ele era.
Por que será que sua alma teve que dar um tempo?
Também foi inevitável pensar em quantas coisas esse rapaz deixou de fazer, de viver, de experimentar na sua passagem na Terra...
Nessas horas em que não controlamos a vida, nem a chegada da morte, percebemos ainda mais fortemente no quanto as coisas são passageiras, inclusive as pessoas amadas que passam por nossa vida. As coisas estão no nosso caminho justamente por um tempo. Um tempo que deve ser vivido com luz, porque se nos angustiarmos pelas coisas banais do dia-a-dia tudo fica mais difícil.

Pensando em tudo isso, percebi que está correto dar um tempo.
Por conta desse “dar um tempo” que a vida me trouxe, senti a necessidade de uma mudança... repensei valores e mais uma vez me lembrei que estamos aqui na Terra justamente por um tempo. E que ainda que sejamos eternos enquanto espíritos, na condição de encarnados temos um tempo de vida. Não sabemos qual é esse tempo e se vivermos sem refletir sobre nossas escolhas vamos sempre estar perdidos na correria.

Assim, amigo leitor, quando tiver que enfrentar um tempo que a vida ou alguém, corajosamente ou não, lhe propuser pense no que isso significa. Pense se a situação ou a relação está oferecendo o que você acha adequado e se o não for a resposta assuma o seu tempo e mude. Porque a vida passa, as pessoas passam e você tem um tempo de vida neste corpo. E este tempo deve ser bem usado.

Momentos de reflexão são fundamentais. Olhar a vida com coragem e ao mesmo tempo com gentileza e humildade foi uma das lições que esse amigo nos deixou.

Alexandre, receba onde você estiver o meu carinho e o amor de todas as pessoas que tiveram o privilégio de receber o seu sorriso.

Confira os ensinamentos e meditações curativas que Maria Silvia ensina participando de um dos seus grupos.
Veja as atividades deste Mês de Julho


Texto revisado por: Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 220

foto-autor
Sobre o Autor: Maria Silvia Orlovas   
Maria Silvia Orlovas é uma forte sensitiva que possui um dom muito especial de ver as vidas passadas das pessoas à sua volta e receber orientações dos seus mentores.
Me acompanhe no Twitter e Visite meu blog
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa