Home > Astrologia
Previsões Astrológicas para o Brasil em 2002 - Parte 2

Previsões Astrológicas para o Brasil em 2002 - Parte 2

por Graziella Marraccini

Trânsitos

Plutão continua seu trânsito na Casa X do Mapa Natal do Brasil, em quadratura com o Sol. Plutão é o planeta das transformações e a Casa X representa o governo. Esta transformação começou quando Plutão, em Escorpião, fez conjunção com o MC do Brasil (em novembro de 1998). Como Plutão representa entre outras coisas as figuras importantes, as pessoas de poder, os generais, e também as poderosas multinacionais, a máfia e os trustes, estes continuarão a sofrer devassa, e terão suas “entranhas” expostas. É um bom momento para questionar a corrupção e as falcatruas que roubam o dinheiro do povo. O povo (que em astrologia mundial é representado pela Lua), continuará pressionando o governo a este propósito, com os movimentos de massa, as reuniões públicas e as passeatas, movido pelo descontentamento e pelas restrições impostas por Saturno (em trânsito na Casa IV). Já vimos que haverá manifestações e greves já a partir de janeiro. No entanto, o bom aspecto com o planeta Vênus poderá trazer um pouco de contentamento e alegria, aliviando um pouco as tensões. Os piores momentos ocorrerão de abril a agosto de 2002, quando Plutão formará um paralelo com o Saturno natal do Brasil. Isto continuará a evidenciar a pobreza, o sofrimento, o custo de vida que estarão sendo examinados e salientados, com muitas discussões e descontentamento. Mas não esqueçamos que o trânsito mundial de Plutão em oposição a Saturno também estará muito presente. Entre maio e junho Saturno e Plutão em sua oposição estarão causando muita destruição, terror e morte. É possível que aconteçam até mesmo mortes de pessoas do governo, atentados, explosões, etc.

Netuno continua em trânsito na Casa XII zodiacal. Em trígono com a Lua e com Júpiter, (o ano todo) aumenta a fé e o sentimento religioso dos brasileiros, mas ao mesmo tempo, salienta também seu descontentamento (pela quadratura com Saturno), a pobreza e a miséria que se tornam assuntos presentes nos atos religiosos e nos movimentos de fé. Ajudar os desvalidos se torna um carma coletivo. Continua em janeiro (e mais tarde de abril a julho) o alto índice de violência, e de criminalidade, os seqüestros, os assassinatos, ligados principalmente ao mundo da droga. O Brasil está num movimento de esoterismo muito acentuado, que poderá ajudá-lo a sair da crise se a coletividade se tornar mais atuante. O sentimento de caridade, de fé, de compaixão para com os desvalidos não é suficiente para mudar o atual estado das coisas. Nunca a religiosidade e o misticismo estiveram tão em destaque, mas as pessoas precisam compreender o recado de Urano (coletividade) e de Netuno (compaixão) e se juntarem em movimentos coletivos para mudar o atual estado de coisas. O carma da miséria ainda continuará a nos assombrar durante o ano todo.

Urano transita na Casa I do Brasil em janeiro. Urano é um planeta maléfico, rebelde, violento e destrutivo, e causa mudanças radicais, rebeliões e destruição. Como a Casa I tem a ver com os conflitos internos, com as iniciativas populares, com as relações entre os Estados, estes ficarão seguramente muito tensos nos próximos anos. Haverá muitas greves e ações de insubordinação. Em janeiro e fevereiro, entra em atividade novamente a oposição com o planeta Vênus do Mapa da Independência, o que mostra que as mulheres estarão mais envolvidas nestes movimentos, como greves e rebeliões. Aumenta também a tendência à liberalização dos costumes, e pode aumentar também a brutalidade contra as mulheres. No lado positivo, os assuntos da moda e da beleza e os assuntos ligados à arte, às festas, aos produtos femininos e às demonstrações artísticas poderão mostrar um espírito de vanguarda de nosso país. De Março a Setembro, um paralelo com Marte indica um forte aumento da violência, dos acidentes, da criminalidade. Maio e Junho, no entanto, indicam notícias ligadas à medicina e aos produtos farmacêuticos e possível quebra de tabus e dogmas (possíveis quebras de patentes?). As ações em defesa dos oprimidos serão incentivadas. As profecias e descobertas espirituais estarão na moda. A possibilidade de acidentes ligadas à aviação, aos trens, às motos, etc., continuam o ano inteiro, enquanto durar esta conjunção de Urano com o ASC do Brasil. Isto significa também muito pioneirismo na ciência, na aviação, evolução da ciência em geral. O Brasil está mais “plugado” com o resto do mundo e sua evolução se faz mais rapidamente.

Saturno continua em trânsito na Casa VI do Brasil até Julho, quando entrará na Casa V do Mapa. A Casa IVª representa o nosso lar, o solo e suas riquezas, o plantio e a terra com todos os seus produtos. Esta posição de Saturno, que forma uma conjunção com a Lua e com Júpiter que ali se encontram, indicam que até julho continuaremos a falar destes assuntos, ligados aos sem-terra, aos sem-lar, à pobreza e à miséria que assola nosso país. A injusta distribuição de renda impulsionará as manifestações públicas. Saturno vem para colocar a casa em ordem, e isto irá influenciar também todas as contas do país. É um bom indício também para as safras agrícolas, mesmo que o tempo continue bastante frio e seco, pelo menos até meados do ano que vem. Alias, parece que a tônica meteorológica será do tipo “tudo ou nada”, ou seja, períodos de estiagem e período de intensas tempestades com muitos acidentes devidos aos raios, às enchentes, etc.

Abril, maio e junho, uma quadratura de Saturno com o Sol do Brasil, indica a perda de popularidade de pessoas importantes do governo e uma possibilidade de mortes de governantes. À partir de junho/julho Saturno inicia o trânsito na Casa V (irá durar aprox. 2 anos e meio). A Casa V é a casa das diversões, do teatro e do cinema, do Ministério da Educação, das festa públicas e comemorações, dos esportes e festivais. O Ciclo de oposição Saturno/Urano e Saturno/Netuno, que inicia em julho, indica uma mudança no foco no sentido de uma maior moralização de maneira geral. Como já falamos, Saturno é o planeta da responsabilidade. Ele representa nossa consciência coletiva. Está portanto na hora de “colocar as coisas em ordem” na Casa V e na Casa XI (por oposição). Aumentam os movimentos de fé mas existe também um certo radicalismo no ar. A oposição Saturno/Urano causa muita tensão e indica mortes e acidentes de todos os tipos: quedas de aviões, acidentes de trem e motocicletas, defeitos de produtos, e um aumento da crise econômica, dos movimentos radicais, greve, com endurecimento de ambas as partes envolvidas, e fala-se de desaquecimento da indústria. Não esqueçamos que Plutão e Saturno estão também em oposição e que esta oposição pressiona a miséria, a fome, os ciclos de guerra que não irá terminar antes de julho de 2002. Por esta razão, não devemos nos deixar levar por um falso otimismo. A oposição Saturno/ Netuno, por sua vez, faz aumentar as mortes nas prisões, os suicídios sociais, as fugas dos presídios, o combate à droga e à máfia. Aumentam também os riscos de acidentes com as coisas ligadas ao mar. Os movimentos de fé, religiosos e místicos, se tornam mais radicais, focalizam a miséria e a fome. Enfim, não será nada fácil chegar até o fim do ano, com este aspecto de Saturno, mas, ao mesmo tempo, estaremos crescendo e nos moralizando em áreas importantes de nosso país, o que acabará se tornando um grande benefício para todos.
Júpiter, transita na Casa V (até junho) e entrará na Casa VI do Mapa do Brasil, à partir de julho de 2002. De janeiro a abril, ele forma uma oposição com Urano e Netuno que se encontram na Casa XI. Júpiter é significador de excessos em todos os sentidos, já que ele “expande” tudo o que toca. Aumenta assim também o potencial dos outros planetas com os quais forma aspectos, para o bem ou para o mal. Assuntos ligados ao judiciário, ao mercado financeiro, à dívida e aos empréstimos estarão na mídia. É possível um aumento da inflação (ciclo Júpiter/Urano). Ainda muito nervosismo no mercado de capitais. Deve-se tomar muito cuidado com as aplicações de risco pois Netuno é o planeta dos enganos e das fraudes. e está em oposição a Júpiter. (até abril). Todo cuidado é pouco. Os assuntos religiosos também estarão sendo focalizados, assim como os professores, universidades e os assuntos culturais. Assuntos ligados ao turismo e às viagens, ao comércio exterior também estarão na mídia, assim como os eventos esportivos, e o intercâmbio comercial ou cultural com os países vizinhos. Aumenta a fé e o misticismo de maneira geral. Pode acontecer uma crise ligada ao desenvolvimento social, com evidência nos partidos de esquerda, comunistas ou socialistas. Pode ser que estejamos por momentos sob a influência de uma certa euforia, ou de um otimismo exagerado, mas precisamos nos manter realistas pois as possibilidades de enganos são grandes. Devemos tomar cuidado principalmente no mês em que acontecerá a Copa do Mundo de futebol. O Brasil tem Lua/Júpiter na IVª Casa e esta é uma das razões do amor exagerado que o futebol desperta no coração dos Brasileiros. Me parece que, pelo bom aspecto que Júpiter forma com o Sol em Maio e Junho, existe uma boa possibilidade do país se sair bem na copa do mundo, mesmo se as possibilidades de se consagrar campeão nos parecem atualmente muito remotas. A conjunção de Saturno com o Sol deixará as pessoas mais realistas, como se ainda estivéssemos sob a influência da “ducha fria” da Copa do Mundo da França. De fato, continua existindo a oposição entre Saturno e Plutão e tudo é possível: as reviravoltas serão espetaculares e provavelmente acabará ganhando a copa um país completamente desacreditado. O mês de Julho também é favorável e ainda sentirá a influência de um certo otimismo no ar.

À partir de Julho de 2002, Júpiter entra na Casa VI do Brasil. Esta Casa é ligada à área da saúde e higiene pública, aos servidores públicos, aos sindicatos e trabalhadores de modo geral, e, por oposição, aos hospitais, aos produtos farmacêuticos, aos navios e maquinaria, à fauna, às forças armadas e às frotas de guerra. Agosto e Setembro irão marcar alguma iniciativa nesta área, com possibilidade de destaque sobre incêndios, conflitos e violência, e manobras militares. Há um certo exagero nas reações das pessoas de modo geral, e podem aumentar os atos de violência no dia à dia de nossas cidades. Em Agosto poderá ser focalizado algum assunto ligado ao judiciário. Em Setembro e Outubro, a quadratura de Júpiter com Saturno, indica um momento onde será muito importante buscar o equilíbrio interno, mas existirão muitas demonstrações de violência, repressão, e ações militares. Neste mês poderão ser focalizados os tratados econômicos e os mercados de capitais.

À partir de outubro, a conjunção de Júpiter com o planeta Vênus, pode significar um período muito bom para que o Brasil se projete no exterior através da arte, da moda, dos assuntos ligados ao mundo feminino e do turismo. É possível que o Brasil venha a fazer acordos ou tratados importantes nesta área. Este aspecto é também importante para o aumento dos relacionamentos exteriores e pode projetar favoravelmente o Brasil na mídia internacional.

Leia Também:

Previsões Astrológicas para o Brasil em 2002 Parte 1

Previsões Astrológicas para o Brasil em 2002 - Parte 3


Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   Numerologia  
 
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


Obrigado por votar
Gostou deste Artigo?   Sim   Não   
Avaliação: 5 | Votos: 1
Atualizado em 03/12/2001 09:41:41

Graziella Marraccini é astróloga, taróloga, cabalista e estudiosa de ciências ocultas e dirige a Sirius Astrology. faça seu mapa astral Atende em seu consultório em SP com hora marcada no horário comercial.
5 perguntas Frequentes, visite Canal do youtube e Facebook
Para atendimentos e consultas.
Email: contato@astrosirius.com.br
Visite o Site do Autor

Veja também
Toques conscienciais para uma amiga triste com a dor da perda
Consciência é vida e vida é consciência
Será que o Reiki pode me ajudar?
Obesidade: como tratar?
Medo da morte
Valorize seu Sorriso


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

energia
I-Ching: 34 – TA CHUANG – O PODER DO GRANDE
O momento é favorável para tomar atitudes, mas você deve saber usar corretamente o poder de que dispõe. A verdadeira força é a que nunca se afasta do caminho da justiça.


energia
Runas: Perdhro
Ganhos inesperados, revelações agradáveis.


23
Numerologia: Expansão
Bom dia para vendas, propaganda e promoção em qualquer área. Você pode fazer sua própria sorte hoje, permita-se a ousadia e busque vantagens para sua vida. Canalize sabiamente essa energia e atue de modo decisivo.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes





 
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa