auravide auravide

Conhecimento ou Sabedoria?


Sempre que nos vemos diante de situações difíceis, desafiadoras, que exigem de nós escolhas para as quais não nos sentimos preparados, somos tentados a buscar saída em nossa mente, na esperança de que a razão nos aponte um caminho seguro.

E, nestes momentos, podemos ser surpreendidos pela descoberta de que o conhecimento intelectual, aquele que adquirimos através do estudo, dos livros e das experiências que nos foram relatadas por outras pessoas, não é suficiente para nos dar a confiança desejada.

Precisamos, então, recorrer a uma outra forma de ajuda, aquela que vem de nosso próprio ser e nem sempre tem como base vivências anteriores. Ela se apresenta como um insight repentino, inesperado, a que denominamos intuição.

A intuição é a expressão da sabedoria, que pode ser resultado de inúmeras experiências acumuladas de tentativa e erro ou, simplesmente, a expressão da sabedoria original da Fonte, raiz de tudo o que foi criado, incluindo-se o ser humano.

A princípio tendemos a duvidar desse dom, já que nunca nos foi dito que ele existia. Com o tempo, porém, se formos capazes de desenvolver a arte da paciência e da observação atenta, vamos acostumando a ouvir essa voz interna e a confiar nela.

Sempre que a vida nos colocar diante de encruzilhadas, nosso desafio é não permitir que as emoções assumam o controle. Só assim será possível acessar a sabedoria que é parte indissociável de nosso ser.

“O conhecimento não é seu... ele é emprestado... O conhecimento é emprestado para outros propósitos. Sim, há uma possibilidade de emprestar conhecimento sobre o mundo porque o mundo está fora de você, ele é objetivo. Ciência é conhecimento; ciência, a própria palavra, significa exatamente conhecimento. Mas religião não é conhecimento.

O conhecimento continuará encantando, decorando, enriquecendo sua memória, mas não seu ser. Seu ser é um fenômeno totalmente diferente. De fato, o conhecimento criará barreiras. A pessoa tem que desaprender tudo que ela aprendeu – só então ela chega ao ser. Ela tem que ser inocente. Não saber é o mais íntimo. Saber cria distância.

A verdade não está separada de você; é seu centro mais íntimo. Então, você não precisa aprendê-la de alguém mais. Então, qual é a função dos Mestres?

A função dos Mestres é ajudá-lo a abandonar seu conhecimento, ajudá-lo a desaprender, ajudá-lo em direção ao estado de descondicionamento.

Seu conhecimento significa que você estará sempre olhando através de uma cortina e essa cortina distorcerá tudo. E o conhecimento está morto. Consciência é necessária, saber é necessário, um estado de visão é necessário, mas não conhecimento”. Osho




estamos online

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 28




elisa
Elisabeth Cavalcante é Taróloga, Astróloga, Consultora de I Ching e Terapeuta Floral.
Atende em São Paulo e para agendar uma consulta, envie um email.
Conheça o I-Ching e Faça uma consulta online
Visite o Site do Autor


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa