Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

A Dança da Vida PARTE 4: O corpo fala

A Dança da Vida PARTE 4: O corpo fala
Publicado dia 03/12/2001 10:17:37 em Corpo e Mente

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

O corpo retrata a história do indivíduo. Vamos observar como isso acontece. Observemos as crianças: na sua relação com o mundo, antes que ela venha dominar todos os seus veículos de expressão e manipulação da realidade, a criança se coloca experiencialmente inteira no seu aprendizado. O corpo atua espontaneamente sem a mediação de sua capacidade mental. Ambos, corpo e mente, crescem juntos. É numa atividade lúdica que a criança absorve e apreende a realidade.

A experimentação e o uso dos sentidos são de fundamental importância para o desenvolvimento motor e psicológico, como prova, por exemplo, o papel que os ouvidos e sua função auditiva exercem no desenvolvimento do equilíbrio físico. A criança experiência de tudo: ela vive cada personagem que cria na imaginação; ela dramatiza a sua experiência, ela se coloca de corpo e alma na brincadeira, vive intensamente as suas emoções. Nela, tudo flui espontaneamente. É nesse aprendizado que a criança cria as bases para o seu desenvolvimento pessoal e sua relação com o mundo.

Porém, essa fase não dura muito tempo. Cedo a criança começa a ser tolhida em suas potencialidades. Em casa, na escola, na sociedade.

Considere o peso, a enorme influência dos valores culturais e das instituições sociais sobre a formação do indivíduo: do patriarcalismo (muito mais que “machismo”, toda uma cultura assentada no poder do homem); do ensino cada vez mais medíocre (resultado do reducionismo, da especialização, da insensibilidade); de uma noção religiosa repressora e cheia de preconceitos; fora todos os outros condicionamentos de uma sociedade tão desequilibrada quanto a nossa.

A socialização da criança é um processo de adaptação a esse determinado molde cultural, um padrão de conduta. Logo a sua espontaneidade é tolhida.

A espontaneidade é o livre fluir, em todos os aspectos.. Da respiração aos gestos corporais. Da expressão das emoções e sentimentos íntimos à forma como se utiliza o corpo e suas possibilidades expressivas.

A respiração é o primeiro elo da cadeia, o primeiro a sofrer tolhimentos quando o conflito aparece. A respiração tem uma ligação direta, fundamental, com os estados emocionais. Observe as alterações que se processam na respiração quando nos presenciamos em situações críticas, como o medo, a raiva, a ansiedade, ou mesmo em situações agradáveis como a alegria, euforia, etc. Daí podemos deduzir o que acontece com uma criança, ou um adulto que vive cronicamente sob pressão de determinados condicionamentos e exigências sociais. Um determinado padrão repressor, uma determinada pressão de conduta, interfere no modo como o indivíduo respira, se expressa e cria as bases para todos os processos neuróticos e insanos.

A desassociação do indivíduo consigo mesmo, a adaptação ao que é convencionalmente aceitável, o tolhimento da espontaneidade, gera um ambiente de falsidade. Somos falsos com nós mesmos e, em decorrência, com o outro. Para se conviver com o falso, nós adotamos as máscaras convenientes à essa adaptação social. A máscara não é apenas facial. O corpo inteiro veste as máscaras à medida que o autêntico não pode se manifestar. Podemos entendê-las como sendo as “couraças do caráter”, tão bem formuladas por W. Reich. As abordagens mais completas, hoje, no processo terapêutico são aquelas que valorizam o corpo como meio de expressão. O corpo fala, sem racionalizar. O corpo fala das intenções ocultas. Fala do inconsciente.

por Sônia Imenes

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Leia Também

A Dança da Vida - parte 1

A Dança da Vida PARTE 3: A auto-alienação

A Dança da Vida PARTE 5: A concepção holística

A Dança da Vida PARTE 2: O dualismo e suas conseqüências

A Dança da Vida PARTE 6: O abençoado caminho do retorno


Obrigado por votar

O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  

Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp

Sobre o autor
Sônia Imenes é Atriz-dançarina, terapeuta corporal,
praticante de Kempo e atende em São Paulo.
Oferece atendimentos de Massagem Thay.
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor







Energia do Dia
Responsabilidade. Aguce seu senso de responsabilidade hoje. Conscientize-se do outro mas não assuma responsabilidades desnecessárias, pois os compromissos que assume hoje deverão ser cumpridos até o fim.
Faça sua numerologia

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa