auravide auravide

Mão muito cheia de linhas X Mão com poucas linhas


Uma pista relacionada ao estado de saúde da pessoa e, tão importante quanto, do estado mental em que ela se encontra num determinado momento reside no que os analistas de mãos chamam de mão "cheia" ou "vazia" de linhas na palma. A mão cheia é inconfundível porque possui uma verdadeira teia de aranha de linhas se entrelaçando por toda a palma e dedos.

Em compensação, a mão vazia contém pouquíssimas linhas, às vezes apenas as 3 linhas principais (CORAÇÃO, CABEÇA E VIDA), dando uma aparência de ordem e simplicidade.

Essencialmente a mão cheia denota uma natureza naturalmente preocupada e altamente tensa. Pessoa muito sensitiva e sob grande atividade mental o tempo todo. Aqui é como um excesso de eletricidade e muita energia sendo espalhada a esmo na atmosfera. Se você possui uma mão cheia, é o tipo de pessoa que vive sob uma constante tensão nervosa, e quanto mais linhas houver na mão, mais sensível será o indivíduo e maior será a tensão nervosa gerada.

E é essa sensibilidade exacerbada que torna os possuidores de mãos cheias tão emotivos e em contato direto com seus sistemas nervosos. Eles parecem estar atentos a cada pequena dor, responder a quaisquer mudanças em sua fisiologia, em suas condições, em seu meio ambiente e nas pessoas com as quais interagem. Por causa da quantidade de linhas diretamente correlatas com a porção de sensibilidade e tensão nervosa que o indivíduo carrega, quanto mais linhas possuir, mais sensível será o indivíduo e mais ansioso e irritável será seu comportamento.

O nível de neurose, pode-se dizer, aumenta proporcionalmente ao número de linhas extras na palma da mão.
Representa uma personalidade complexa, que é facilmente sugestionável e assim, propensa a uma larga ocorrência de problemas de ordem psicossomática. Existem casos de mentes muito nervosas e altamente excitadas, que é difícil de se acalmar ou de se desligar.

A recomendação terapêutica de maior sucesso para este tipo de mãos é a prática de exercícios de relaxamento e meditação, para ajudar a acalmar o excitamento nervoso e recuperar o equilíbrio psico-emocional desejado. As opções mais interessantes são a ioga, o tai chi chuan, a meditação ativa, a terapia do riso e a meditação budista.

Uma forma fantástica de ver o resultado deste trabalho de relaxamento é observar a redução das linhas na mão ativa - que representa o momento presente, comparativamente ao número de linhas da mão passiva - que representa o passado.

Por outro lado, quanto menor o número de linhas e mais claras forem elas, mais estável será o sistema nervoso, e mais equilibradas serão as sensibilidades e emoções. Pessoas que possuem um padrão ordenado de linhas principais não estão tão à mercê de suas sensibilidades e do sistema nervoso. Elas costumam ser mais eficientes no controle das emoções, e mais capazes de direcionar suas energias e atenção em seu trabalho. Algumas vezes carecem inclusive de sensibilidade e intuição.

A menos que hajam características contraditórias, como uma linha da cabeça exorbitantemente curva (ilhada, esfiapada, confusa, picada, acorrentada), essas pessoas não perderão tempo em mágoas e aborrecimentos, por não serem tão tensas, preocupadas e ansiosas.

Se você tem uma palma da mão extremamente vazia, ainda que mais forte em muitos aspectos em comparação com aqueles que têm mão cheia, o desapego que você sente pelo seu próprio sistema nervoso, significa que lhe pode faltar, às vezes, uma certa dose de sensibilidade no relacionamento com os outros.

O que mais estabelece a diferença é que as linhas na mão cheia são sempre finas e quebradas, conferindo uma atividade nervosa, enquanto que as linhas da mão vazia são poucas mas fortes, denotando vigor físico.

Curiosamente, aqueles que possuem energia nervosa, ainda que pareçam ser fisicamente mais frágeis, são na verdade mais robustos e animados, e parecem capazes de suportar situações difíceis e doenças dolorosas por anos a fio. Acabam por se acostumarem com a dor e achar que isso é o normal.

Em compensação, aqueles que possuem linhas muito mais fortes e grossas, ainda que sejam fisicamente e neurologicamente mais fortes, parecem desperdiçar suas energias em pequenas explosões abruptas, e, como conseqüência, acham mais difícil manter sua resistência por muito tempo.

Quando se trata de saúde então, é quase sempre o indivíduo nervoso e infatigável que está mais bem equipado para suportar a dor, e que tende a superar um período de problemas físicos com muito mais facilidade do que seus colegas de mãos vazias, que estão prontos a se entregar logo que sua primeira queima de energia tenha sido descarregada e sua vitalidade exaurida.

Quer você tenha poucas linhas ou uma verdadeira teia de linhas na mão, o fator essencial à saúde e ao bem estar é que haja uma consciência dos seus pontos fracos, e se trabalhar para atingir o fortalecimento e o equilíbrio. Neste caso entramos numa sansara: Meditação leva ao Auto conhecimento e, o Autoconhecimento leva à Meditação, e ambos levam à sensação de vitória, bem estar e serenidade.


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 12


trucom
Conceição Trucom é química, cientista e escritora sobre Alimentação Baseada em Plantas, considerada como Alimentação do Futuro: vitalizante e regenerativa.
Portal: www.docelimao.com.br
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Corpo e Mente clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa