auravide auravide

Manifestação

por Elisabeth Cavalcante
Publicado dia 19/11/2008 16:17:25 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Se a realidade de nossas vidas é a manifestação de nossos pensamentos e intenções, precisamos estar sempre atentos quanto àquilo que poderemos materializar.

Pensamentos destrutivos e sentimentos contraditórios geram um campo de energia totalmente desarmonioso, que jamais poderá resultar na criação de uma existência plena de equilíbrio e harmonia.

Não é de admirar que o mundo se encontre nesse estado caótico, visto que ele é resultado da loucura e do caos interior que predomina na maioria dos seres humanos.

Mas, se cada um de nós, individualmente, empenhar-se para modificar a própria realidade pessoal e também aquela que se encontra ao seu redor, certamente conseguiremos modificar esse estado de coisas.

Temos a total possibilidade de obter o controle consciente de nossos pensamentos e emoções, para curar e manter nosso corpo físico saudável e pleno de energia vital.

Entretanto, este potencial tem sido sufocado pela predominância da negatividade em nossa mente. Somente uma intenção firme e uma vontade inabalável de experimentar o êxtase que habita em nosso interior, poderão nos ajudar a alcançar esta preciosa dádiva.

Concentremo-nos, a cada dia, em acessar os recursos que o divino coloca, cada vez mais, ao alcance daqueles que desejam contribuir de forma decisiva para criar uma nova humanidade.

“...uma nova alvorada para toda a raça humana, uma nova inocência, uma nova infância, uma nova satyuga – a era da verdade – uma nova idade de ouro é possível. Mas as pessoas positivas têm de dar um passo corajoso para expressar a si mesmas. Elas não têm feito isto ao longo da história.

Elas usufruíram suas experiências e pensaram que seu trabalho estava terminado. Eu quero lembrá-los frequentemente: quando você tem algo para compartilhar, não fique aí, compartilhe-o. A humanidade precisa disso mais do que nunca, de pessoas que podem criar nova esperança para uma nova alvorada”.

Osho, The New Dawn.

“...Estes eu tenho chamado os três passos da iluminação:

O primeiro passo, o Buda vem atrás de você como uma presença – muito sólida, muito tangível, você pode senti-lo. Você pode sentir sua fragrância, você pode sentir seu poder, ele preenche você com grande alegria.

O segundo passo, o Buda vem à sua frente; você se torna a sombra. E lentamente, lentamente, a sombra começa a desaparecer.

O terceiro passo, você não é mais. Nem mesmo uma sombra é deixada, somente o Buda permanece – uma consciência transparente, uma vida eterna. Aqueles que vieram para esta experiência são as pessoas reais, que podem celebrar a vida.

Eu celebrei a mim mesmo.
E eu quero que todos vocês celebrem a si mesmos.
Tornem-se uma dança, tornem-se uma canção.
Tornem-se um lótus, tornem-se uma primavera”.

Osho, I celebrate myself.





estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
elisa
Elisabeth Cavalcante é Taróloga, Astróloga, Consultora de I Ching e Terapeuta Floral.
Atende em São Paulo e para agendar uma consulta, envie um email.
Conheça o I-Ching e Faça uma consulta online
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa