Home > Oráculos

O tarô como expressão do mistério

por Elisabeth Cavalcante

O tarô como expressão do mistério

O tarô deve grande parte de sua popularidade ao seu uso como ferramenta de previsão do futuro. Mas ele é muito mais do que isso. Sua interpretação é uma técnica psicológica extremamente sutil, através da qual os segredos do inconsciente podem ser revelados e podemos, assim, obter orientação para nossas dúvidas e desordens internas.

Não existe nada casual ou acidental no Universo. Os eventos exteriores, não importa o quão banais possam parecer, estão intimamente relacionados com o que ocorre no interior da psique do ser humano. Acessar estes conteúdos e interpretá-los, é o que nos permite ter consciência das realidades interiores da nossa alma.

As cartas do tarô são instrumentos através do quais a realidade subjetiva, no interior do inconsciente, projeta uma parte de si mesma numa existência objetiva, ou seja, constrói uma ponte entre o mundo dos eventos físicos temporais, e o mundo dos arquétipos do inconsciente coletivo.

Por essa razão, quando interpretado por neuróticos ou pessoas com intenções indignas, acontece uma degeneração do significado sagrado do tarô. As cartas do tarô são janelas para o interior da alma, portanto, o trabalho com elas não deve ser realizado por razões egoicas ou fúteis.

O objetivo principal da consulta ao baralho do tarô é facilitar o autoconhecimento. O Louco, ou a carta zero dos Arcanos Maiores, simboliza a fonte espiritual primitiva e também o destino de todos os seres, o Alfa e o Ômega da manifestação, o vazio de onde todas as coisas procedem e no qual todas se reduzem no final.

A disposição de trazer à luz os aspectos ocultos da própria psique é a condição mais importante a direcionar a decisão de consultar o tarô.

A atitude adequada tanto do que procura a orientação, quanto daquele que se dispõe a interpretar o tarô, é a forma mais segura de se garantir que a consulta seja, acima de tudo, um caminho para a transformação interior e a cura.


Consulte grátis
     
 
Compartilhe
   



Elisabeth Cavalcante é Taróloga, Astróloga,
Consultora de I Ching e Terapeuta Floral.
Atende em São Paulo e para agendar uma consulta, envie um email.
Conheça o I-Ching
Email: elisabeth.cavalcante@gmail.com
Visite o Site do Autor
Publicado em: 08/11/2018 22:45:48

Veja também
Você sabe como fazer o Amor dar certo?
Amor e sexo: escolha a sua fantasia!
Qual é o seu lugar?
Mediunidade e Transtornos Psicológicos
Medo x Inteligência!
Por favor, e obrigado!


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

energia
I-Ching: 42 – I – AUMENTO
Momento de crescimento, que significa melhora não só no aspecto material mas também no espiritual. Ele acontece quando as ações e, acima de tudo, os sacrifícios são feitos em favor dos outros.


energia
Runas: Eihwas
50% já está conquistado, o resto e com você. Aja!


22
Numerologia: Idealismo
Dia para dedicar-se a obras que beneficiem todos ao seu redor. As atitudes devem ser abrangentes enfocando grupos de pessoas. Mantenha os pés firmes no chão e aja de forma a melhorar as coisas para os outros.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes




+ Lidos da Semana anterior
1. 3 dicas para não deixar seu relacionamento acabar!
2. Poderosa Oração a Afrodite, a Deusa do Amor e da Beleza!
3. Fogo, Terra, Ar e Água
4. Caminhando de Volta para o Lar...
5. Discernimento e crescimento consciencial
6. Urano, regente de Aquário: liberdade ou rebeldia?
7. Sentimentos
8. Vale a pena aguardar o aniversário para fazer a Revolução Solar?

 
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa