Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 

Um apelo de Kuthumi nas vestes do simples Francisco

Um apelo de Kuthumi nas vestes do simples  Francisco
Facebook   E-mail   Whatsapp   chat aura

Senhor, que a verdadeira luz clareie as consciências, é tudo que vos peço!
Que a humanidade reveja os seus atuais valores e perguntem aos seus corações se nestes valores estão a verdadeira riqueza que Vós Senhor ensinaste.

Se soubessem que a perfeita sabedoria está na simplicidade do amor em constante labor em servir e acalentar o próximo.

Vós homens estejam atentos as situações que lhes são colocadas nos trâmites terrenos. Saibam que tudo é oportunidade, não desprezem concessões e não tentem avaliar se estas são grandiosas ou não, se são nas pequenas coisas que se revelam o que está além de vossa compreensão.

Rogo à humanidade que encontre nos santuários de seus corações, o Amor que o Cristo semeou há dois mil anos. Que abençoados sejam os que espalharem não só com palavras, pois palavras o irmão vento leva, assim como as sementes jogadas em corações de pedras!
Que sejam por amor partículas de ti e de todos, oh deuses! a formar o corpo de um DEUS Único, mas tão presente quanto e atuante em suas obras! Sejam também atuantes em vossas ações como são muitos em suas fervorosas porém improdutivas oratórias.

Senhor que os homens sejam instrumentos de seu Espírito, que a Trindade se manifeste em todas as fontes de luz!

Deus, quando isso vier acontecer o homem irá reflorir seus caminhos na trilha do universo, e reconhecerão o ninho acolhedor de Vossa esplendorosa morada!

Meu rosto estava banhado em lágrimas assim como meu coração. Olhava aquele Ser de Luz de braços abertos. Ele foi arrebatado até um portal, ao alto perto do altar, só agora podia ver que ali fora aberto um portal. Vejo um raio rosa dourado que foi envolvendo todo o lugar, parecia chuva de luz... de purpurina. Não vejo mais Kuthumi, vejo um arco-íris resplandecente. Pombas brancas revoavam em torno do portal, pétalas de rosas caíam sobre mim, vislumbro uma silhueta feminina em um manto azul translúcido. Minhas pernas não me sustentam mais de joelhos e me deixei cair ao chão macio. Minha cabeça pareceu rodar, é um sonho, não é verdade.
Kuthumi estendeu as mãos para que me erguesse e olhando nos meus olhos disse com ternura.


Não vos iludam com a luz aparente dos homens, nem com as suas “riquezas”.
Sê humilde como as irmãs flores que nada esperam ganhar para enfeitar a irmã terra.
Seja humilde como os pássaros que cantam para alegrar vossos dias e nada pleiteiam ao não ser liberdade.
É preciso aprender a ler nos livros das almas humanas o que elas verdadeiramente necessitam e quando assim fizeres verão que elas necessitam de nada mais que atenção e amor.

Sê humilde sempre!

Seja perante aos doutores ou aos iletrados, pois não sabeis distinguir quem é quem e mesmo se soubessem, ambos são iguais na evolução Divina.

O carvalho só pôde ser grande, irmã Lúcia, porque um dia soube ser pequeno e não se esqueça quando o sândalo é ferido perfuma seu algoz, isto não é apenas perdão, é amor!

Continue divulgando as palavras de Jesus por ações, enfatizo a palavra viva em movimento pela vida.
Estamos todos unidos em prol desta humanidade, deste Planeta.
Se o gérmen do Cristo estiver mesmo que ainda dormente nos corações, nada sucederá de mal, porque o tempo ainda não está chegado.

Mestre Kuthumi

Do livro: Cegos na Luz e nas Trevas, de Ana Lucia Marins

Aproveite e leia: Abris Corações e Mentes...
Publicado em:

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo



Veja também
Seu amor me aquece o coração
Aprendendo com os erros
Alegria na alma
Sim, vamos manter a fé



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.





horoscopo



Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa