Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

SATURNO, JÚPITER E VÊNUS RETRÓGRADOS 11, 12 E 13 DE MAIO

por Fabrizio Ranzolin
SATURNO, JÚPITER E VÊNUS RETRÓGRADOS 11, 12 E 13 DE MAIO

Publicado dia 13/5/2020 em Astrologia

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Mudanças bruscas no tempo, tempestade
Saturno, Júpiter e Vênus retrógrados 11, 13 e 14 de maio/ junho

Saturno que vinha direto domiciliado em seu preferido Aquário tropical, desde dia 22 março, mantendo o leme na direção do destino, agora, dia 11, muda para retrógrado. Após o veloz início da jornada será necessário rever os cálculos, certificar-se das ações. Quando a velocidade é muito grande, senhor do tempo, perde-se a noção de realidade. E assim, teremos a oportunidade especial de rever quem somos realmente nesta nova realidade, e o que é mais importante nesta jornada.
Plutão, tocado por Saturno, segue destruindo sistematicamente os alicerces das estruturas, capricórnio, e desde fim de abril, retrógrado, lembra-nos da sua lua, Caronte, o barqueiro que atravessa as almas dos mortos para o outro lado. E assim, muito já se foi, o trabalho, o dinheiro, o relacionamento. Mas é só mais um teste para ver se sua alma se move, e brilha mais do que nunca ousou brilhar antes. Sem ter nada a perder, já não se tem medo de se lançar ao novo.
É preciso deixar tudo ir pelo ralo, para ver que você é muito mais do que pode ter. Claro, as perdas doem, e muito, especialmente daqueles que amamos, e quando estes sofrem. Mas depois que a tsunami passa, e se você sobrevive, para preservar sua vida descobrirá sua força real e seus talentos divinos, como nunca antes foi capaz.

Mas a nau segue veloz em sua jornada para o novo mundo. O conhecido já não serve mais de referência para a nova realidade. O que ficou para trás, no último porto seguro do outro lado do oceano, já não está mais visível no horizonte, não há como voltar. O mundo de antes acabou.
Preocupar-se demais consigo mesmo e com o futuro será uma fraqueza que poderá sabotar o sucesso da viagem. Partir para ação do cardeal do momento, tentar resolver o próprio problema sem reclamar, e, depois compartilhar a solução com quem estiver no seu caminho trará a resposta, e com ela, a paz.
Só nos resta sobreviver a mais um dia, curtindo esse misterioso destino, contemplando tudo o que a luz toca, como se os olhos se abrissem pela primeira vez. Simples e desafiador: fazer o seu melhor para hoje, e depois, entregar.

Vênus realiza fase retrógrada a partir do dia 13, de Mercúrio domiciliado em Gêmeos encontrando-se em conjunção entre 22 e 23 de maio. O compartilhamento livre compassivo de seus talentos e soluções a partir de sua alma pode trazer oportunidades preciosas que antes estavam invisíveis. Oportunidades que podem ser positivas e perdurar, trazendo importantes resultados, isso já está acontecendo a pleno vapor. Em seu movimento de aproximação brilhará mais perto da Terra, o diamante do início das noites ao oeste, a estrela Dalva. Sol Touro, a beleza sagrada das estrelas, que sempre inspiram orações profundas e verdadeiras, só é sentida plenamente pelos que dormem sem um teto sobre suas cabeças.
Vale a pena conferir a área da vida de seu mapa astral regido por Vênus e Gêmeos, pode ocorrer eventos importantes.
Úmido e quente Júpiter, em seu signo de queda, sem poder expandir plenamente suas bênçãos, em Capricórnio seco e frio, dia 14 inicia fase retrógrada. No domínio de Saturno, Júpiter, senhor do raio e do trovão, promete trazer uma tormenta inesperada que sacudirá poderosamente a nau de quatro velas. É somente para que a tripulação pare de reclamar da viagem, valorize os pequenos luxos do dia, perceba a bênção de uma chuva fresca, para lembrar do sabor da água doce. Quando estamos realmente com sede e fome, o prato é o mais saboroso que já provamos, e a água pura é a bênção de que algo maior e bom mantém toda a criação girando em harmonia.

Será com esse Júpiter, o benevolente professor em queda, o Guru que retornará para swakshetra (domicílio sideral) em fim de junho para resgatar sabedoria, que poderemos aprender a sorrir com força mesmo sem ter uma razão. A sermos generosos e ajudar a todos no que for possível, sem olhar para trás. A sermos gratos por tudo o que existe e que pode ser uma bênção agora mesmo: este pôr do sol alaranjado de outono, o olhar de quem se ama e o som de sua voz, que, apenas por existir, dá todo o sentido colorido ao mundo.
A nova sociedade do novo mundo, Júpiter e Saturno em Aquário, será construída pedra por pedra sobre os alicerces do compartilhar as soluções, de tomar o problema do próximo como seu e vencer, transcendendo as fronteiras artificiais que nunca existiram. Estamos todos no mesmo barco, mas alguns não perceberam.
Assim, será enfrentando a maré através da tormenta com a força das suas 4 velas, que o vento infla e impulsiona a nave, que seguiremos neste novo tempo. Essa mesma tempestade tem o vento potencial que pode nos impulsionar mais forte a frente.
São tempos de abrir os olhos, abrir o coração, aprender a sentir antes de ver e julgar. Não há tempo para perder. A única luta que vale a pena agora é contra a ignorância, a brutalidade e o preconceito, e contra a morte. A luta que levará ao novo mundo é pela vida, pela fraternidade, pela união de todos em prol do mundo melhor e mais justo, e que respeite esse lindo planeta que nos acolhe incondicionalmente. Não se preocupe, deixe os outros trombando-se e discursando ignorâncias se assim desejarem, livre arbítrio, as lutas contra a vida levarão à morte. Estes merecem apenas oração, seu fim será triste (a Marte retro lá na frente..)

A guerra mais linda é aquela travada dentro de si mesmo, quando nos esforçamos para sermos melhores. Ao encontrar uma palavra de consolo, mesmo sentindo-se profundamente desconsolado. É lutar com a falta de profundidade e sentimento, sacudir o coração com força, até que, mesmo entre soluços, possamos sentir e expressar somente o que seja afeto, carinho e compreensão. Pois muitos estão perdidos agora, e perecerão muito antes do fim da viagem.
Tenha muita paciência, estamos em pleno mar aberto, ainda não é possível ver as terras e o porto do novo mundo. Mas em breve, ao acordar pela manhã em um belo dia de calmaria, que parecia ser comum, no horizonte começará a ficar clara a resposta para suas orações. Até lá será muito duro e difícil para muitos, seu sofrimento deve ser honrado, se possível, atenuado pelos nossos esforços. Mantenha-se firme na viagem, seja forte para os seus, é apenas questão de tempo, vai valer muito a pena...
É a força evolutiva em todo seu pleno despertar, acordando os adormecidos. É sagrado demais poder ter a oportunidade de ajudar sem nada em troca e ser ajudado, e de reencontrar o sentido da vida, que antes esteve perdido na hipnose da rotina. A recompensa será a liberdade do ser pequeno e mesquinho que nos acorrentava, para começar a viver em um mundo pleno que foi construído de todo o seu coração.
Junho, Mercúrio retrógrado, mas acabou a tinta deste timoneiro, fica para a próxima calmaria...

Bons ventos...

Texto Revisado

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 4

Sobre o Autor: Fabrizio Ranzolin   
Fabrizio Ranzolin é astrólogo, escritor e professor em cursos holísticos alternativos. Membro CNA Astrologia do Brasil. Ativista ambiental na preservação da natureza.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Você tem realmente esse tal Livre Arbítrio?
artigo Contrato com a morte
artigo Estesia
artigo A mudança deve ser interna

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa