auravide auravide

AS TRÊS LIÇÕES QUE NOS LIBERTAM DO KARMA INDIVIDUAL



Este é um assunto bem discutido, o karma individual de cada ser humano na Terra e como compreender melhor a lei de causa e efeito, as possibilidades de conseguirmos nos libertar do karma.

Segundo a doutrina espírita, para atingir a libertação do karma individual precisamos nos submeter às condições (que são lições) de três situações distintas, a saber: a primeira é o arrependimento, sincero de coração e alma, que contribui muito, porém, só o arrependimento não basta, também é preciso expiar. A segunda condição, a expiação, é uma das principais condições, seguida da terceira condição, a reparação, que fecha o ciclo para a libertação do karma, da cobrança espiritual, e pode-se então atingir a libertação daquele ser no que se refere à causa que gerou o karma em questão.

É preciso uma fórmula perfeita composta de:

Um  arrependimento profundo, seguido da expiação (Segundo o dicionário Aurélio: Ato ou efeito de expiar. Cumprimento da pena ou castigo que se reputa equivalente à culpa ou delito,Sacrifício expiatório.)

Neste contexto, a expiação aplica-se em passar pela mesma ou situação semelhante àquela que causamos a outros, sentir na pele o mal e a dor que fizemos os outros sentirem.
A reparação consiste em fazer o bem para aqueles a quem fizemos o mal em outras vidas e até mesmo na vida atual.
Beneficiar aqueles com quem fracassamos por não saber amar é o ponto exato a que se refere a reparação aqui citada.
Isso explica porque milhares de pessoas sofrem dificuldades na vida, na saúde, nos relacionamentos, na família, enfim, quase todos os tipos de sofrimentos humanos.
É a expiação já explanada acima, que cumpre o seu papel educador para o espírito errante.

Quando nos sentimos impelidos a fazer o bem sem ver a quem, quando buscamos atividades ou profissões de servir ao outro, de ajudar ao próximo, de ser caridoso, nós estamos exercendo a reparação que é uma forma de confirmar o aprendizado das lições já citadas anteriormente, o arrependimento, a expiação e a reparação.

Uma vez que consigamos aprender com estas lições, a partir deste aprendizado, estaremos nos libertando do karma individual.
Se não aprendermos as lições, modificando nossos comportamentos, teremos a repetição das mesmas lições até que aprendamos.

Devemos entender que a lei de causa e efeito é implacável e irrevogável. A partir desta análise, deixo para reflexão dos leitores uma frase de efeito de uma grande missionária:

“A DOR NÃO VEM DE DEUS, MAS DE NOSSAS PRÓPRIAS FALHAS” (Tia Neiva).

Desta forma fica aqui a sugestão:

Se você quer se libertar do seu Karma individual, comece hoje a refletir e agir de forma que o aprendizado se fixe em seu espírito imortal e atinja o objetivo de sua libertação.

Se você já está neste caminho, continue e persista, pois árduo é o caminho e estreita é a porta, porém, a recompensa é garantida àqueles que perseverarem na busca de sua evolução.
 

Lembremos sempre da regra dourada: “Faça aos outros aquilo que gostaria que fizessem a você”

Sejam felizes com amor incondicional, humildade e tolerância em seus corações.

João Luiz Spósito – Brasília – DF

Abril 2018

Texto Revisado






 

Publicado dia 2/4/2018
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1



foto-autor
Autor: JOÃO LUIZ SPOSITO   
João Sposito, atende em Brasília-DF, Terapeuta em Bio energética(par magnético), Reikiano, cromoterapeuta, espiritualista desde 1998, realiza assessoria espiritual personalizada e aconselhamento. Agendamento de consultas: presencial e a distância, (61) 982247680 whatsapp.,
E-mail: jlsposito@hotmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa