auravide auravide

Como se livrar do tédio?


Facebook   E-mail   Whatsapp

Bocejo. Ligo o computador. Acesso a Internet. Navego pelas redes sociais. Vejo tudo o que tem para ser visto. Desligo. Procuro algo para comer. E acho, é claro, principalmente doces. Olho para o celular. Leio as mensagens e as respondo. Aperto o botão da internet.... Oh, wait! Já não fiz isso antes?
O tédio, em si, não é uma coisa boa nem ruim. Ele é bom para procurarmos uma motivação para fazer algo diferente do que costumamos ou para buscar uma solução para uma situação que anda nos incomodando. Torna-se ruim quando ele ativa a nossa ansiedade e, a partir daí, ficamos autodestrutivos. É ingerida muita comida, alguns vão para o álcool, e, outros, infelizmente, procuram a droga para sair do enfado.

Qual a maneira saudável para se livrar do tédio?
Aceitando a nossa humanidade.

Aceitando que não somos super-heróis/heroínas. Que tudo bem não ter a vida "fascinante" de um mega star hollywoodiano ou globais mesmo. Corpos lindos, sarados, rostos impecáveis e perfeitos. Nas fotos, sorrisos largos. A mídia mostra a história "perfeita" deles. Perfeita? Nós sabemos que é pura ilusão. Infelizmente, há uma grande porcentagem de artistas que vão para o caminho das drogas ou do abuso de álcool e acabam morrendo em condições péssimas e trágicas. Criam-se esses ídolos de barro para entreter. Isso faz com que uma boa parcela de homens e mulheres não olhe para si, para a sua vida. Como querem ter a vida dos astros e não conseguem, surge o tédio...

O que acontece? Acabam consumindo mais... Porque para os incautos da relação ídolo X fã "nada melhor do que ter uma geladeira nova retrô, igual a de fulana, para melhorar o ambiente da casa e trazer felicidade...." É um círculo vicioso e milionário, diga-se de passagem. O tédio movimenta uma economia considerável e continuará aumentando, pois os indivíduos precisam sair do tédio.

Para sair dessa "simbiose":

Assuma o aceitável.
Desacolha o implausível.

Acredite num futuro bom e possível.
Desautorize um porvir aborrecido e inviável.

Viva o canto dos pássaros.
Desconecte o virtual nos sentimentos.

Com ternura, olhe suas dores.
Com severidade, desconsidere seus desprazeres.

Ame-se, sim.
Abomine-se jamais!

*
Nem tudo na vida é gozo.
Nem tudo na vida é ardor.

Tudo pode ser experiência.
Tudo pode ser aprendizado...

*
Para o tédio, há remédio, sim.
Não saia de si,
Erga o seu prédio.
Aproprie-se do andar sadio.
Alimente-se do saudável incêndio.
E, por fim, enamore-se por sua alma império.

Claudia Isadora Fernandes de Oliveira
blog: link

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 7


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Claudia Isadora Fernandes de Oliveira   
BLOG: http://claudinhaisadora.com.br
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa