auravide auravide

Grandes poderes, grandes responsabilidades



Este assunto é profundo e deve ser encarado com muita seriedade, pois irá tratar dos poderes espirituais que trouxemos para esta vida e como estes poderes podem influenciar nossa existência atual e das pessoas que cruzam nossos caminhos.

Todos nós somos consciências espirituais com a experiência de várias encarnações na Terra. Em cada encarnação formamos uma personalidade-alma que está ligada, faz parte de um único espírito imortal.

A partir de cada encarnação, esse espírito imortal se abastece de informações adquiridas pela alma, que desencarnando retorna ao mundo espiritual. As informações, experiências vividas irão juntar-se a um acervo de conhecimentos de muitas almas que esse espírito imortal desdobrou em cada encarnação vivida na Terra.

Isso faz com que aquela alma encarnada possa, mesmo inconsciente, em tempos e ocasiões propícias romper as barreiras temporárias do esquecimento e na ligação com o espírito possa acessar este acervo contido na fonte espiritual ao qual ela pertence ou seja o espírito imortal.

A alma, então, desperta os poderes espirituais que são os conhecimentos daquilo que chamamos de vidas passadas e muitos outros mais, arquivados na consciência espiritual e eterna de quem  somos realmente, na íntegra.

Sejam esses poderes quais forem, muitos nem sabem que os possuem, outros o sabem, porém, fazendo mal uso deles em vez de ajudar o seu semelhante ainda os empurram ainda mais para o abismo de suas imperfeições e na sequência se prejudicam também pelo envolvimento, participação nos desfechos negativos que envolvem suas vidas e de outros.

Aos que não têm plena consciência do que fazem, ficam isentos de muitos efeitos danosos e recebem ajuda superior incondicional, já os conscientes precisarão absorver os efeitos que seus atos causaram em vidas alheias e sentidos em suas próprias experiências atuais e até futuras.

Os poderes espirituais estão presentes em nossas vidas, quer saibamos disso ou não, quer aceitemos ou não, se desejar algum mal a outra pessoa, em palavras ou mesmo pensamentos isso, pode materializar esse poder negativo e se a outra pessoa receber o mal enviado, aquele que envia não tem como evitar o retorno desta mesma energia potencializada para sua própria vida...

Então, como diz o título:

“Grandes poderes, grandes responsabilidades”

Para finalizarmos, deixo claro que o alerta do texto enfatiza o cuidado que devemos ter com os poderes negativos, porém, devemos saber que possuímos também os grandes poderes de fazer o bem, os poderes positivos, poder de equilibrar, curar, de fazer feliz  aqueles que aflitos nos procurarem em busca de uma palavra, um gesto, um sorriso, um conselho, uma luz radiante em um dia escuro de suas vidas.

Sejam felizes, responsáveis e iluminados no exercer de seus grandes poderes espirituais...

João Sposito – Brasília – DF

Outubro 2018

Texto Revisado

 

Publicado dia 19/10/2018
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1



foto-autor
Autor: JOÃO LUIZ SPOSITO   
João Sposito, atende em Brasília-DF, Terapeuta em Bio energética(par magnético), Reikiano, cromoterapeuta, espiritualista desde 1998, realiza assessoria espiritual personalizada e aconselhamento. Agendamento de consultas: presencial e a distância, (61) 982247680 whatsapp.,
E-mail: jlsposito@hotmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa