auravide auravide

Ataques Espirituais


Facebook   E-mail   Whatsapp

A maioria dos sofrimentos que passamos na vida provêm do mundo espiritual.

Até quando sofremos agressões de seres encarnados, muitas vezes há obsessores trabalhando por trás. Principalmente quando sofremos agressões de diferentes pessoas.

Os obsessores (nossos desafetos de vidas passadas) muitas vezes usam pessoas ao nosso redor para causar brigas, mal-entendidos e agressões ao sugerir na mente das pessoas pensamentos de ódio, raiva e vingança.

Como eles nos acham pela afinidade é necessário sempre mantermos o nosso padrão vibratório elevado. Quando o nosso padrão vibratório cai, eles nos pegam. Outra coisa importante é resgatar o nosso passado, pois o nosso carma (dívidas) é como se fosse um plug por onde eles se conectam a nós.

Mesmo a pessoa sendo boa, se não resgatar o seu passado, os obsessores terão a porta aberta para entrar na sua vida e destruí-la. 
M.L., enfermeira, de 50 anos de idade, me procurou porque não aguentava mais ser agredida e maltratada pelos pacientes e colegas no hospital onde trabalhava.

Durante a regressão apareceu o espírito de uma mulher loira de aspecto horrível dizendo que a odiava e que nunca ia deixá-la em paz. Disse que M.L. tinha-lhe roubado tudo e que causara a sua morte numa vida passada.

Numa vida passada, M.L. era a filha mais velha de um rico comerciante. O seu pai tinha uma loja enorme onde eram vendidos diversos objetos .

M.L.era a filha preferida do seu pai, bonita, esbelta e muito cortejada pelos rapazes. A sua irmãzinha, porém era baixinha, feia e desprezada pelos rapazes.

Um dia, M.L. se casou com um belo rapaz e foi morar na casa dele. Logo após o casamento o seu marido foi trabalhar como gerente na loja do seu pai.

O tempo foi passando e M.L. teve um casal de filhos. Tudo ia bem até que o seu pai teve um infarto e morreu subitamente sem deixar testamento. A loja foi imediatamente assumida pelo  marido de M.L.

A mãe de M.L. também faleceu um ano depois e a irmãzinha de M.L. ficou sozinha e desamparada.

Um dia a irmãzinha foi procurar M.L pedindo parte dos lucros da loja. M.L. mostrou-se ríspida e disse-lhe:"-A loja pertence a mim e ao meu marido que trabalhamos a vida toda e você não tem direito a nada pois nunca trabalhou. Vai trabalhar sua preguiçosa!". E bateu a porta na cara dela.

A sua irmãzinha foi sobrevivendo da ajuda dos vizinhos até que adoeceu gravemente. Estava com câncer de pele.

Mais uma vez a irmãzinha foi procurar  M.L. e esta novamente recusou ajuda alegando que pagar médico custava muito caro e mandou-a embora.

A sua irmãzinha ficou cada vez mais doente até que morreu.

Após a regressão, M.L. chorou muito, pediu perdão à sua irmã e esta foi encaminhada para a luz. 

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 22


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Hee Jin Myung   
Médica psiquiatra e Terapeuta de hipnose Whatsapp (11)999584650.
E-mail: myungheejin@yahoo.com.br | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Vidas Passadas clicando aqui.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa