VOCÊ SABE LIDAR COM O SENTIMENTO DE CULPA?

VOCÊ SABE LIDAR COM O SENTIMENTO DE CULPA?
Autor Fatima Pessoa - [email protected]
Facebook   E-mail   Whatsapp


Você já parou para analisar e observar sobre o que é o sentimento de culpa e o que ele trás de consequência para a sua vida? O sentimento de culpa é uma forma negativa de expressar algo de errado ou algo que foi feito quando não era desejado. Muitas pessoas são levadas a agir por impulso e consequentemente não pensam, no momento, no que sucederá através dos atos realizados nos momentos em que são feitos sem pensar. E, muitas vezes, é a partir daí que o sentimento de culpa aparece, assim mesmo, logo no momento seguinte. Depois de observar e se dar conta do que foi feito, o sentimento de culpa vem a martelar na cabeça das pessoas. Ele acusa, relembra e também tortura a todos. É aquela inquietação que toma conta da mente, que não permite desapegar do ato realizado. Este sentimento pode ser fruto de inúmeras causas, tais como: medo, acusação, expectativas, rejeições, abusos, morte, manipulação, preconceitos, segredos e inúmeras outras opções. Mas, acredito que um dos maiores sentimentos de culpa é fruto das mentiras contadas. Mas como lidar com a culpa? Duas opções podem ser levadas em conta nesse momento. Apesar de ser um sentimento que provém da negatividade, ainda assim ele pode se tornar uma lição de aprendizado, possibilitando o reconhecimento do erro e a partir deste momento crescer e compreender as consequências, de forma que poderá ser evitada futuramente. Porém, caso a pessoa não souber ou não encontrar um meio de lidar com este sentimento, o mesmo poderá causar uma autopunição, conflitos internos, além de solidão, uma destruição da autoestima, remorso, sofrimento e uma prisão emocional. Algumas características são apresentadas quando o sentimento de culpa está presente na vida de alguém, podendo ser exposto através da dificuldade em expressar seus próprios sentimentos, dificuldade de assumir os próprios atos, baixa autoestima e amor próprio, além de falar de forma repetitiva o que a motivou a sentir-se culpado(a). É preciso aprender com os erros cometidos, para assim, diminuir o número de chances de repeti-los em um futuro próximo. É claro que nem sempre é possível esse autocontrole de não repetir os atos negativos, mas, através do esforço de aprender a tomar atitudes sem serem feitas através do impulso, é um grande passo para um começo diferente. Uma dica é produzir uma lista do que motivou você a sentir a culpa. Quais foram os atos que te levaram a cometê-los. Assim será possível analisar cada situação e ajudará a conhecer melhor o problema, o motivo de ter surgido e a razão, além de estudar os meios de evitarem que eles se repitam. E por esse meio possibilitará você a se conhecer melhor. Colocar para fora, em forma escrita, o que carregamos dentro de nós, é uma forma de nos desprendermos do que pesa em nossas vidas.

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 2



Compartilhe Facebook   E-mail   Whatsapp
foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Fatima Pessoa   
- Leitura de Registros Akáshicos - Mapa Numerológico / Mapa Astrológico - Mesa Quântica Estelar e Espiritual Quântica - Cirurgia Energética - Terapia Tameana e Cura Arcturiana Acesse e-mail: [email protected]/ Instagram:@fatimapessoaoficial/ WhatsApp: (21) 99643-0230
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoconhecimento clicando aqui.