auravide auravide

Os Eclipses

por Graziella Marraccini
Publicado dia 08/02/2008 16:13:05 em Astrologia

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

No dia 07 de fevereiro aconteceu o primeiro ECLIPSE do Ano. Foi um eclipse parcial, anular do Sol. Ele foi visto principalmente na Austrália e Nova Zelândia. Que fenômeno é este chamado eclipse? O que ele provoca do ponto de vista astrológico? Será que ele realmente tem influência na Terra?

Para responder a essas perguntas vou primeiramente procurar explicar o fenômeno do ponto de vista astronômico. Os eclipses anuais são quatro: dois lunares e dois solares. Eles acontecem quando se alinham de alguma forma a Terra, a Lua e o Sol. Os eclipses acontecem por causa de uma estranha coincidência celeste, mas os astrólogos não acreditam em coincidências, e portanto para nós a sincronicidade destes acontecimentos tem uma causa que pode ser definida como um ‘recado de Deus’.

Um eclipse do Sol é um fenômeno de rara beleza, privilégio dos seres que habitam o Planeta Terra. Trata-se do resultado de uma interessante coincidência entre as dimensões do nosso satélite natural, a Lua, e a distância com a nossa estrela, o Sol. A Lua tem um diâmetro de aproximadamente 3.476 km e encontra-se a uma distância média de 384.400 km da Terra. O Sol, que tem um diâmetro de 1.392.000 km (cerca de 400 vezes maior que o da Lua), fica a uma distância de 150 milhões de km, ou seja, aproximadamente 400 vezes mais distante do que a Lua. Como conseqüência, os diâmetros aparentes do Sol e da Lua, vistos a partir da Terra são muito próximos. Um eclipse ocorre sempre que a Terra, a Lua e o Sol estão perfeitamente alinhados. Os eclipses solares podem ser totais, parciais ou anulares e acontecem duas vezes por ano. Eles são vistos durante o dia (pois o Sol precisa ser visível) e quando a Lua se interpõe entre nosso astro rei e a Terra. Dependendo de onde estivermos, podemos observar esse maravilhoso fenômeno que tanto assombrou os homens desde os tempos remotos.

Para que o Eclipse lunar ocorra, é necessário que a Terra projete sua sombra sobre a Lua, se interpondo entre esta e o Sol. A Lua vai perdendo seu brilho aos poucos e por vezes acaba desaparecendo completamente. Para que isso ocorra é necessário que o alinhamento entre a Terra, a Lua e o Sol sejam exatos. Torna-se igualmente necessário para este efeito que tanto a Terra como a Lua estejam posicionadas na linha dos nodos. Os nodos lunares são considerados pontos nevrálgicos do mapa natal de uma pessoa e poderão ser assunto para outro artigo (prometo!), por essa razão os eclipses lunares são importantes, dependendo do ponto onde eles acontecem em relação ao nosso mapa natal. Para que um eclipse aconteça, portanto, precisam estar reunidas as condições necessárias de alinhamento. Se todo este alinhamento especial acontecer quando a Terra está entre o Sol e a Lua, observando-se a fase lunar de Lua Cheia, acontece um eclipse lunar total que pode ser acompanhado por todos os observadores posicionados num mesmo hemisfério da Terra em que seja noite no momento do eclipse.

Se o posicionamento da Lua ou da Terra não for exatamente na linha dos nodos, desde que não haja um desvio muito significativo, deixaremos de ter a possibilidade de observar um eclipse lunar total, podendo observar um eclipse parcial ou penumbral. Temos então três tipos possíveis de eclipses lunares: totais, parciais e penumbrais. Um pequeno comentário sobre os eclipses do ponto de vista astrológico foi publicado no artigo “As previsões Astrológicas para o Brasil em 2008”, mas voltarei a comentá-las aqui:

Eclipse Solar anular em 07 de fevereiro de 2008 às 0:44 h Hora Legal (de verão). Sol e Lua em conjunção em Aquário.
O Sol se encontra a 18º de Aquário e a Lua se alinha com ele e com a Terra. A Lua, portanto, se encontrava em conjunção com o Sol. O Eclipse foi anular, ou seja, deixava entrever o circulo solar na circunferência da Lua porque a Lua se encontrava mais perto da Terra e não cobria inteiramente o Sol. Em conjunção com o Sol ainda havia Mercúrio e Netuno, além do Nodo Lunar, como já expliquei acima.
Como este eclipse caiu na Casa XII, ou quase no Ascendente do Brasil, (ou seja, em sua primeira Casa) ele pode ser considerado bastante importante, por focalizar os acontecimentos destas duas casas. No entanto, ele não foi visto do Brasil, mas principalmente na Antártica, Austrália e Nova Zelândia, e outras partes do Pacífico Sul.
Os assuntos da Casa XII são aqueles relacionados com a pobreza, saúde publica em geral, com as prisões, com o submundo da máfia, do tráfico, das favelas. Portanto, esses assuntos ganharão novamente as manchetes da mídia. Poderão acontecer grandes apreensões de drogas. Os assuntos relativos à Casa I são principalmente aqueles que envolvem a coletividade. De fato, além do Carnaval, outros fatos que envolvem as ações sociais destinadas ao bem da coletividade acabarão sendo divulgados.

Eclipse Lunar total de 21 de fevereiro de 2008 às 0:30 h Hora Legal (de verão). Sol em Aquário, Lua em Leão.
Este eclipse total será visto em todo o Brasil, nas Américas e na Europa ocidental, e parte da África. A Lua estará a poucos graus de Saturno que acabará aparecendo bem luminoso a nordeste da Lua. Saturno, em Virgem, estará em retrogradação o que não é muito bom, pois indica uma grande possibilidade de acontecimentos com alto índice de mortandade e pode indicar um período de restrições em muitos sentidos. Por outro lado, esse eclipse cai na Casa II do Mapa do Brasil o que indica que teremos, nos primeiros meses do ano, algum acontecimento importante ainda ligado às finanças, com aspectos relativos à contenção de despesas, medidas relativas aos estabelecimentos financeiros e ao Banco Central. Saturno talvez indique que algo neste campo estará sendo moralizado. É chegado o momento de apertar o cinto! A cobrança do publico sobre os nossos dirigentes será muito alta.Eclipse Solar total em 1º de agosto de 2008 às 06:12 h Hora Legal. Sol e Lua em conjunção em Leão.
Não será visível no Brasil, mas somente na Russia, Mongolia, Canadá e toda a região gelada do Ártico. Provavelmente, somente esses países terão acontecimentos importantes ligados especialmente aos seus dirigentes. Estaremos focalizando novamente os problemas do degelo causado pelo buraco de ozônio no círculo polar ártico.
E claro que em astrologia mundial os eclipses são importantes para a Terra como um todo, mas este não afetará diretamente nosso país. Nós temos a Casa VII em Leão e o planeta Vênus está nesta casa que é a casa dos relacionamentos com os outros. O Eclipse acontecerá sobre Vênus, podendo indicar que nos meses seguintes poderemos ter problemas com os países fronteiriços nos próximos seis meses. Os assuntos relativos a bancos e investimentos também poderão ganhar as manchetes, mais em nível mundial.

Eclipse Lunar parcial: 16 de agosto de 2008 às 18:16 h Hora Legal. Sol em Leão, Lua em Aquário. Lua em conjunção com Netuno.
Este eclipse iniciará no momento em que a Lua subir no horizonte leste. Ele será visto em todo o Brasil, na África e Índia, Austrália e Japão. A Lua estará em conjunção com Netuno em Aquário, em oposição ao Sol em Leão. Como o Brasil possui Aquário no Ascendente, este eclipse cairá no Ascendente do país (novamente), portanto será bastante importante. Os acontecimentos dos seis meses sucessivos ao eclipse focalizarão principalmente os projetos que o governo estará lançando visando principalmente as eleições estaduais e municipais. Mas não criem ilusões com esses fogos de artifício lançados para deslumbrar e desviar a atenção das misérias de nossos pais! Netuno parece ter este efeito sobre a coletividade: cria ilusões e desvia nosso pensamento, nos enganando com sonhos pouco reais. Novamente seremos ludibriados com promessas que não serão cumpridas? Vamos ficar atentos e procuremos votar em candidatos que tenham uma posição muito clara sobre seus projetos sociais.

Por enquanto, posso somente esperar que essas promessas que parecem bastante promissoras acabem se realizando. Vamos dar uma ênfase especial em nossa vida particular aos projetos sociais, voltados para o bem da coletividade, pois somente com o envolvimento de todos é que poderemos fazer a diferença!

Uma boa semana a todos!


estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
graz
Graziella Marraccini é astróloga, taróloga, cabalista e estudiosa de ciências ocultas e dirige a Sirius Astrology. grabnn Atende em seu consultório em SP com hora marcada no horário comercial.
5 perguntas Frequentes, visite Canal do youtube e Facebook
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa